É quase consenso que, atualmente, a segurança é uma questão assustadora. O cenário é desanimador: nas próprias residências, cresce diariamente o índice de roubos e violência. Se faz necessário, diante desse problema, proteger a si e a sua família.

A tecnologia, em contrapartida, se tornou fundamental no dia-a-dia. Para simplificar algumas tarefas do cotidiano, esse desenvolvimento garante praticidade e conforto.

Na segurança, não é diferente. Afinal, um operacional simples de alarme, que dispara apenas um ruído, está muito atrasado. Cercas especiais e monitoramento por câmeras são apenas alguns dos métodos utilizados.

Conheça agora três motivos para investir em sistemas eletrônicos de segurança:

 

REDUÇÃO DE PREJUÍZOS

A exposição à violência é muito maior sem um sistema de segurança. Sua família e seu estabelecimento são prioridades e precisam de proteção contra invasores.

Essas invasões costumam ser seguidas de agressões e furtos. Alarmes monitorados reduzem esse risco. A existência de uma câmera de vigilância, por si só, age no psicológico do meliante. Com isso, faz com que ele desista ou execute-o ineficientemente.

GARANTIA DE SEGURANÇA

Investir num sistema eletrônico de segurança é uma excelente alternativa. É a logística de segurança mais efetiva do mercado. Através do monitoramento em câmera, por exemplo, é possível antecipar os problemas e você fica a par de tudo o que acontece.

 

REDUÇÃO DE REINCIDÊNCIA

Segundo estatísticas policiais, se seu estabelecimento comercial ou residência já sofreu arrombamento no passado, é bem possível que aconteça novamente. Com o equipamento de segurança e monitoramento, você reduz essa probabilidade. Afinal, um sistema CFTV possibilita que você tome providências instantaneamente.

Em Guarapari, a Guaralarme é referência no setor de segurança eletrônica. Com 20 anos de mercado, a Guaralarme conta com uma central em alerta 24h, com atendimento remoto feito em equipamentos de segurança de última geração. Desta forma, há aviso imediato aos clientes e são enviados fiscais de alarmes aos estabelecimentos para atuação ostensiva, ocasionalmente acionando a polícia.

Deixe seu comentário