A Câmara Municipal de Guarapari enviou hoje para a prefeitura, o relatório final do trabalho desenvolvido pela Comissão Especial de Investigação (CEI), constituída para apuração de irregularidades contratuais entre a empresa Vista Group Network e o município de Guarapari, para exploração do sistema de estacionamento rotativo.

O trabalho teve inicio em 1º de Setembro de 2016, ficando na responsabilidade dos vereadores Thiago Paterlini, Manoel Ferreira Couto, que era vereador à época, e Fernanda Mazzelli. Em novembro de 2016, apesar de ainda não ter finalizado os trabalhos, os integrantes da CEI afirmaram que já existiam indícios suficientes para que a prefeitura suspendesse o contrato.

A Comissão Especial de Investigação pediu para que a prefeitura suspenda e cancele o contrato com a VGN. Foto: divulgação

Através de nota a Câmara Municipal informou que o relatório “solicita ao Prefeito o cumprimento dos dispositivos contratuais, pela suspensão e rescisão do Contrato de Concessão de Exploração do Estacionamento Rotativo”.

Temporário. O presidente da Comissão, vereador Thiago Paterlini (PMDB), diz que o pedido é temporário. “É uma suspensão temporária para que a prefeitura analise alguns pontos que nós entendemos que estão errados. Que faça alguns ajustes. Não queremos o fim a empresa até pela questão dos empregos dos funcionários. Mas queremos algo funcionando de forma correta e que não prejudique a população. Que a prefeitura faça uma análise criteriosa, assim como está fazendo em Muquiçaba e Praia do Morro”, afirmou.

O documento deve ser analisado pela prefeitura, através de sua procuradoria. O relatório foi encaminhado também ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas.

Comments are closed.