A campanha “Esqueça um livro e espalhe conhecimento” foi lançada na manhã desta terça-feira (24/07), e segue até o dia 31 de julho. A inciativa em Guarapari partiu da jornalista e, Fátima Fonseca. Inspirada no escritor paulista, Felipe Brandão, tendo a biblioteca cheia, resolveu sair “esquecendo” livros e foi um sucesso.

“Muita gente não quer se desfazer dos livros, simplesmente jogando fora. É uma oportunidade das pessoas trazerem o livro aqui para Confraria, deixarem os livros aqui, e assim nós faremos o trabalho de “esquecimento”, ou pode até virar ponto de referência literária, aqui na Confraria que é a pretensão da Val”, disse Fátima Fonseca.

A campanha tem o objetivo da circulação de livros pela cidade. Foto: Rosimara Marinho.

A dona do comércio que será o ponto de apoio fala que a iniciativa é importante para disseminar o conhecimento na cidade. “A ideia é deixar os livros pela cidade, no ônibus, na praça, é girar informação, girar cultura. E pretendemos deixar a Cafeteria como um ponto de apoio”, comentou Valéria Nunes.

Esse projeto teve início ano passado na Associação de Moradores da Praia do Morro, que não tendo onde colocar os livros. Esse ano o projeto se estendeu para o Centro de Guarapari.

As apoiadoras do projeto na cidade. Foto: Rosimara Marinho.

“Aqui você encontra não só livros nacionais, mas best sellers, autores capixabas, achei bem interessante a diversidade de livros que tem aqui. Você tem que espalhar conhecimento, se leu um livro, achou interessante, por que não compartilhar com seu amigo, ou deixar aqui, para outras pessoas conhecerem”, Dani Huerta, designer apoiadora do projeto.

A bibliotecária Vera Regina Azevedo de Freitas, que trabalhou há 30 anos na Universidade de Brasília (UNB), apoiou a iniciativa.“É muito comum as pessoas comprarem brinquedos para crianças ao invés de livros. Eu fui acostumada a ler desde criancinha e cresci vendo a importância da leitura na minha vida”, disse Vera Regina.

Os livros serão espalhados pelo Centro. Quem quiser contibuir com o acervo da Campanha pode deixar doação de livros na cafeteria Confraria do Sabor, no Centro.

Deixe seu comentário