Diante das aglomerações denunciadas ao Governo do Estado, sobre o descumprimento de medidas de distanciamento e até mesmo o uso das praias, o governador Renato Casagrande, durante entrevista coletiva na manhã de hoje, na qual o Portal 27 participou, disse que haverá uma reunião na tarde de hoje, para decidir sobre novas medidas que serão adotadas.

Fiscalização. Na reunião que terá a participação da Guarda Municipal, vigilância sanitária dos municípios, fiscais de posturas, Polícia Militar, Bombeiros, o governador vai decidir sobre como será o apoio aos municípios nas fiscalizações.

“A responsabilidade dessa fiscalização primeira é dos municípios, mas nós vamos estar presentes nos municípios, para que no primeiro momento tenhamos uma fiscalização que oriente, esclareça e eduque, mas se for necessário, que possamos tomar outras decisões”, disse o governador.

“A responsabilidade dessa fiscalização primeira é dos municípios, mas nós vamos estar presentes”, disse o governador.

Grupo de trabalho. Casagrande esclareceu que o grupo de trabalho vai acompanhar os protocolos. “Os comércios que estão funcionado têm protocolos a seguir. Há uma série de procedimentos, como manter distância entre os trabalhadores e o cliente, não pode aglomerar na hora do café, na hora do almoço, tem que ter o álcool em gel, sabão e lavatório. Não pode fazer liquidações para evitar tumultos no comércio”, explicou.

Sobre questionamentos acerca de salões de beleza que ocorreram no último final de semana, o governador declarou que nenhum foi impedido de trabalhar. O pedido é sempre a cautela.

“Industrias e serviços não foram paralisados em nenhum momento. Houve uma polêmica nesse final de semana sobre salões de beleza, mas esse serviço não foi proibido em nenhum momento. O que a gente pede é que trabalhe com horário marcado, que não tenha aglomerações e os cuidados que precisamos adotar”, completa.

Comércios. Ainda na tarde de hoje, uma reunião vai decidir sobre o futuro do comércio no ES. O decreto tem validade até domingo. “O decreto vai até domingo. Vamos estudar alguma atividade que possamos liberar, e se liberar, qual será o protocolo. Conseguimos controlar o vírus no Estado, mas a disseminação está aumentando muito”, finaliza Casagrande.

Deixe seu comentário