A covid-19, em pouco mais de um ano afetou todo o mundo, alterando o modo de vida da população para algo totalmente novo. Nas cidades de Itapemirim e Marataízes, a doença também esteve presente, em conjunto, os dois municípios registraram mais de 10 mil contaminados e 290 mortos.

Itapemirim

A cidade de Itapemirim registrou 124 óbitos pela doença.

A cidade de Itapemirim, conhecida por ser uma cidade com grande potencial turístico natural, como o Monte Aghá e a pedra do Frade e a Freira, já registrou 4.009 casos confirmados de contaminados pela covid-19. Destes, 3.752 foram considerados curados e 124 morreram por complicações causadas pelo vírus. A taxa de letalidade da cidade está em 3,1%.

Os dez bairros com mais casos de contaminação registrados são: Itaipava com 940, Itaoca com 566, Campo Acima com 424, Centro com 311, Vila com 240, Graúna com 174, Garrafão com 143, Rosa Meireles com 128, Joacima com 104 e Brejo Grande do Norte I com 85.

Marataízes

Marataízes registrou 166 óbitos pela doença.

Já a cidade de Marataízes, conhecida como a Pérola Sul Capixaba, com diversas lagoas que desaguam no mar, registrou 6.097 casos confirmados de contaminados pelo coronavírus. Destes, 5.758 foram considerados curados e 166 morreram. A taxa de letalidade do município está em 2,7%.

Os dez bairros com mais casos de contaminação são: Barra de Itapemirim com 1.453, Lagoa Funda com 386, Jacarandá com 345, Cidade Nova com 344, Centro com 302, Boa Vista do Sul com 256, Acapulco com 249, Santa Tereza com 211, Pontal com 189 e Ilmenita com 183.