O final de semana foi de crimes em Guarapari. Por volta de uma e meia da tarde deste sábado (22) uma sorveteria localizada na Avenida Beira Mar, na Praia do Morro foi assaltada. A ação foi flagrada pelas câmeras de videomonitoramento do estabelecimento.

O proprietário da loja relatou que “Ele simulou que estava armado, mas não dá para ter certeza. A funcionária seguiu a orientação de entregar tudo e não resistir. Então ele levou os R$ 450,00 que estavam no caixa”.

No vídeo é possível ver o momento em que o homem levanta a blusa para dar a ideia de que estava armado.

Ele disse ainda que a funcionária contou que o homem fez ameaças. “Ele disse para ela não fazer alarde nem chamar a polícia”. Segundo o dono da sorveteria, o criminoso entrou sozinho, mas tinha um comparsa. “Tinha um moto do lada de fora esperando ele. No susto a funcionária não soube dizer que tipo de moto era. Na verdade, ela nem saiu da loja. A primeira coisa que fez foi ligar para a gente”.

O comerciante contou que foi a primeira vez que a loja foi roubada, mas que a franquia já sofreu outros assaltos na cidade. Ele também afirmou que “Fica a sensação de insegurança. À noite tudo bem porque tem menos gente na rua é menos seguro, mas sábado à tarde tinha bastante gente na praia e aí não se espera”.

Veja o vídeo do momento do assalto:

Outro crime. Na tarde deste domingo (23) Robson da Penha Benedito, de 23 anos, foi preso após invadir uma casa, no Centro, e furtar uma máquina serra de mesa.

Segundo a polícia, o jovem teria pulado o muro da residência para furtar a máquina, mas a ação foi presenciada pelo porteiro de um condomínio próximo, que deu as características de Robson para que os policiais fizessem as buscas. Durante o patrulhamento os policiais foram chamados de volta ao local do crime e ao chegar, foram informados que o homem voltou a casa para tentar furtar novos objetos e fugiu em direção à praia.  

Após essa informação, novas buscas foram realizadas e Robson foi localizado próximo a um banco o na Avenida Joaquim da Silva Lima. Com ele foram encontrados R$ 82,00. Ainda de acordo com a polícia, o homem confessou ter cometido o furto e afirmou que vendeu a máquina por R$ 15,00 para um morador da rua Cachoeiro de Itapemirim, no Ipiranga.

Os policiais foram até a casa do receptador e ele confirmou que o jovem deixou a máquina em sua casa, mas negou ter pago qualquer valor por ela. Ele disse ainda que Robson ficou de buscar a máquina em sua casa à noite.

Os dois homens foram conduzidos até a Delegacia 5ª Regional de Guarapari para serem ouvidos pelo delegado de plantão. Após prestarem depoimento, o receptador pagou fiança e Robson, que já tinha seis passagens, ficou preso e vai responder por furto.

Comments are closed.