O Governo do Estado enviará à Assembleia Legislativa (Ales), nesta terça-feira (1º), um projeto que concede auxílio alimentação aos servidores públicos que recebem na modalidade subsídio, garantindo assim o benefício a todo o funcionalismo do Executivo Estadual, em atividade. Além disso, a proposta prevê a alteração de R$176,00 para R$220,00 no valor do auxílio.

Governo do Estado aumentará o valor do auxílio alimentação dos servidores e ampliará a concessão do benefício.

Com a ação, cerca de 47 mil servidores que não tinham direito ao benefício passará a recebê-lo discriminadamente em seu contracheque. A quantia representará um ganho financeiro de no mínimo 10% aos profissionais cujo provento é de até R$2.220; 7,33% a servidores com remuneração de até R$3 mil; e 4,4% aos que recebem até R$5 mil.

Os, aproximadamente, seis mil servidores vinculados à modalidade vencimento, que já contavam com o auxílio-alimentação, também terão ganhos com a nova medida, pois o valor do benefício sofrerá um aumento de 25%. Somente este reajuste causará um impacto mensal de R$450 mil à folha do Executivo. Se somado aos gastos com a ampliação do auxílio, o número alcança a marca de R$11 milhões mensal e R$143 milhões anual.

Comments are closed.