A ousadia e a certeza da impunidade fizeram com que um ladrão arrombasse um restaurante na avenida Beira Mar, na Praia do Morro, pela segunda vez em apenas dois meses. Mas o pior é que o criminoso além de roubar, come, bebe e ainda defeca no local.

A última ação do bandido aconteceu por volta de uma hora da madrugada desta quinta-feira (15), feriado de Corpus Christ.  O proprietário, que prefere não ser identificado, contou que o homem pula o muro do estacionamento que fica na rua atrás do restaurante e tem acesso aos fundos do estabelecimento. “Ele entra pela rua de trás, pula o muro e se tiver grade, porta ou o que tiver ele arromba”.

O homem invadiu o restaurante pelos fundos pela segunda vez em dois meses.

Segundo ele, após entrar o ladrão usa barras de ferro para travar a porta do restaurante dele e a de acesso ao restaurante vizinho para que ninguém consiga entrar enquanto ele estiver lá. Depois começa a cozinhar. “Ele entra, vê o que tem e cozinha. Dessa vez ele cozinhou um peixe, da outra ele fez picanha. Além de fazer a comida, ele abre cerveja e toma na taça. Dessa vez ainda bebeu whisky com gelo. Ele não acende a luz, usa apenas o fósforo para iluminar”.

O dono do restaurante relatou ainda que após cozinhar o ladrão leva a comida para os fundos e prepara uma mesa para jantar calmamente. “Quando ele acaba de fazer a comida ele vai para o lado de fora que é claro. Aí leva cerveja, whisky, comida e fica umas duas ou três horas e vai embora. Dessa vez ele comeu peroá cozindo, tomou quatro cervejas, chupou picolé, balas, tomou whisky na taça e ainda levou mais de R$ 200,00 em moedas, uma televisão de 32 polegadas e a minha bicicleta que estava guardada aqui dentro”.

“Uma coisa que é estranha é que lá fora, depois que ele acaba de comer, ele coloca os pratos todos em cima da mesa limpinhos. Não deixa sujo não. As garrafas que ele toma ficam todas enfileiradinhas. Depois de tudo isso ele também defeca no quintal”, relatou o proprietário do restaurante.

Crime anterior. Dois meses antes o homem esteve no restaurante agindo da mesma forma. “Da outra vez ele levou um par de óculos de sol meu, o troco que estava na gaveta, comeu picanha, bebeu e defecou”. As duas ações foram filmadas pelas câmeras de videomonitoramento que o dono do restaurante mandou instalar após o primeiro arrombamento. “A primeira vez aconteceu na época da paralisação da polícia e foi uma situação parecida. Mas como eu ainda não tinha câmeras aqui não posso afirmar que foi ele. Sei que me levaram duas tv’s, bebidas e o dinheiro que estava na gaveta”.

“O sentimento é o pior possível. Parece que invadiram a sua privacidade. Já pensou como é entrar alguém na sua casa que você não conhece? Não importa nem os bens que roubaram, mas o fato de entrarem aqui no meu estabelecimento e ficar aqui para comer, beber mexer nas minhas coisas. Em uma crise dessas a gente passa por isso e ninguém faz nada”, desabafou o comerciante.

Ele afirmou ainda que outros bares e restaurantes da região também foram roubados da mesma forma. Mas como eles não têm câmera não é possível ter certeza que tenha sido a mesma pessoa. Ele também reclamou da falta de policiamento no bairro. “À noite não passa polícia na Praia do Morro. Ontem mesmo onze e meia da noite dois caras com revólveres assaltaram uma pastelaria que tem aqui. Eles pegaram todo o dinheiro que tinha lá e os meninos vieram desesperados avisar a todo mundo que era para fechar que eles tinham sido assaltados”.

Após perceber que estava sendo filmado o homem usou a blusa para tentar esconder o rosto.

O proprietário do restaurante vem tentando se proteger da ação do bandido. Após o segundo arrombamento também instalou um sensor de movimento no local e disse que agora vai tomar mais uma medida de segurança. “Agora vou colocar o alarme. Assim quando ele invadir lá o alarme dispara e ele vai se assustar e ir embora. Eu e o restaurante ao lado temos câmeras e estamos nos precavendo porque está difícil né”.

Segundo ele, nos três arrombamentos a ocorrência foi registrada e as imagens que mostram o rosto do bandido já foram entregues aos agentes da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio, que vai investigar o caso.

Em contato com o Portal 27 a PM afirmou que “A Polícia Militar informa que os três indivíduos de cometerem o assalto foram detidos esta noite no bairro Muquiçaba. Vale lembrar que a presidente do Conselho Comunitário da Praia do Morro mensalmente participa de reuniões da Rede de Promoção de Ambientes Seguros (Repas) em que o comando do 10° Batalhão tambem faz parte. Por isso, é importante que moradores e comerciantes repassem suas sugestões e pontos a serem melhorados nas ações de policiamento a presidente do Conselho. Dessa forma a PM terá conhecimento das demandas da população e  poderá inclui-las no planejamento da unidade.”

Deixe seu comentário

Comments are closed.