O Instituto DataSenado fez uma pesquisa nacional para ouvir a opinião dos brasileiros sobre o teletrabalho. O resultado mostrou grande apoio da população a dois projetos de lei de autoria do senador Fabiano Contarato (Rede-ES).

De acordo com a pesquisa, 82% dos entrevistados concordam com o projeto de lei (PL 3512/2020) que garante o pagamento de horas extras caso a jornada de trabalho remoto seja superior a oito horas diárias.

projeto de lei (PL 3512/2020) que garante o pagamento de horas extras caso a jornada de trabalho remoto seja superior a oito horas diárias.

Sobre o outro projeto (PL 3428/20), que dá direito ao regime de teletrabalho para pai ou mãe de filhos com até 12 anos incompletos em famílias monoparentais até a reabertura das creches e escolas, 90% dos entrevistados concordam com a proposta.

Contarato defende regulamentação das obrigações do empregador em teletrabalho. “O teletrabalho é uma realidade que veio para ficar. O trabalho acompanha o avanço da tecnologia. Junto com essa evolução, a legislação deve se adaptar para proteger o trabalhador”, reforça.

As entrevistas para pesquisa foram feitas por telefone, entre os dias 11 e 18 de setembro, com cinco mil brasileiros com 16 anos ou mais, em amostra representativa da
população brasileira.

Link para ter acesso à pesquisa completa: https://bit.ly/36qHvi4