Mesmo com a determinação do governo do Estado de que o comércio tem que funcionar até as 18h de segunda a sexta-feira em cidades de Risco Moderado para contágio de Coronavírus, a prefeitura de Guarapari comunicou que vai manter o funcionamento do seu próprio decreto publicado na manhã da última quinta-feira (16), e que libera o funcionamento em horários diferentes do Estado.

MPES. Com isso, Guarapari será a única cidade da Região Metropolitana a não seguir as determinações do Estado. O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de Guarapari, já havia notificado o prefeito Edson Magalhães (PSDB), para que cumprisse o Decreto Estadual nº 4636-R/2020 e as portarias da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) que estabelecem medidas sanitárias e administrativas para prevenção, controle e contenção de riscos decorrentes da pandemia do novo coranavírus.

A prefeitura de Guarapari comunicou que vai manter o funcionamento do seu próprio decreto publicado na manhã desta quinta-feira (16), e que libera o funcionamento em horários diferentes do Estado.

Apresentou resposta. A informação de que vai manter o seu próprio decreto foi dada do jornal Folha Online, onde a prefeitura respondeu por meio de nota que. “Após notificação do Ministério Público do Espírito Santo, a Prefeitura de Guarapari apresentou resposta ao órgão e manteve a vigência do Decreto. 

A autorização do funcionamento de restaurantes foi adotada com uma série de exigências a serem observadas pelos empreendimentos do setor, com regras municipais mais rígidas e que não violam as políticas públicas, em sintonia com as diretrizes do Governo Estadual.

Desde o início da pandemia, o município tem adotado medidas mais restritivas, através do comitê de enfrentamento ao covid, garantindo resultados positivos. Prova disso, é que a cidade saiu do risco alto e retornou para o risco moderado, segundo o Governo Estadual”, informou a prefeitura.

O que diz o novo decreto do prefeito. Restaurantes, pizzarias, cafeterias e hamburguerias terão atendimento presencial de segunda a sexta-feira até as 22 horas, e nos sábados e domingos das 11 às 15 horas.

Academias. De acordo com o decreto, as academias de esporte podem funcionar até às 21 horas durante a semana. O isolamento total, a partir das 19 horas continua e não será permitida a permanência em praças ou vias públicas, até às 5 horas da manhã.

Centros comerciais. Do dia 16 ao dia 31 de julho de 2020 as galerias, os estabelecimentos e os centro comerciais, funcionarão com restrições no município de Guarapari. Eles serão limitados de segunda a sexta-feira ao horário de 9 às 17 horas.

Supermercados. Os supermercados poderão funcionar de segunda a quinta-feira até as 19 horassexta e sábado até as 22 horas, com funcionamento vedado aos domingos. As feiras poderão funcionar no horário normal nas quartas e quintas-feiras e nos sábados e domingo das 5 às 10 horas.

Livres. Os deliverys continuarão com seu horário normal e as farmácias, distribuidoras de gás e água, padarias e postos de gasolina ficam livres para continuar funcionando.

Petshops, açougues, hortifrutis e mercearias funcionarão de segunda a sexta-feira até às 18 horas e nos sábados até às 14 horas. Lojas de conveniência e distribuidoras de bebidas não podem permitir o consumo presencial e a venda de bebidas alcoólicas nos finais de semana e feriados.