Os usuários que transitam pelos 818 quilômetros de rodovias federais existentes no Espírito Santo podem registrar a ocorrência de acidentes sem vítimas diretamente pela internet. A Polícia Rodoviária Federal torna público que está disponível no endereço eletrônico www.prf.gov.br/acidente, a ferramenta eletrônica para confecção de Declaração de Acidentes de Trânsito, a e­DAT.

Com interface agradável e de fácil manuseio, essa inovação tecnológica apresenta uma série de benefícios para o usuário como agilidade, pois não há a necessidade de esperar as equipes para a confecção do boletim.
Com interface agradável e de fácil manuseio, essa inovação tecnológica apresenta uma série de benefícios para o usuário como agilidade, pois não há a necessidade de esperar as equipes para a confecção do boletim.

Tal ferramenta permite ao usuário a possibilidade de registrar acidentes de trânsito sem vítima diretamente pela internet, sem a necessidade da presença da PRF no local. Essa declaração substituirá o Boletim de Acidente de Trânsito ­ BAT, e a Declaração de Acidente de Trânsito presencial em situações específicas.

• Acidentes de trânsito ocorrido em rodovias federais;
• Não tenham como resultado pessoas feridas ou mortas;
• Envolvam até cinco (05) veículos;
• Não tenham provocado danos ao meio ambiente e/ou ao patrimônio público e
• Não estejam envolvidos veículos transportadores de produtos perigosos ou oficiais

Com interface agradável e de fácil manuseio, essa inovação tecnológica apresenta uma série de benefícios para o usuário como agilidade, pois não há a necessidade de esperar as equipes para a confecção do boletim. Há também a comodidade e segurança, o usuário confecciona a declaração em casa, e não necessita aguardar no local do acidente.

A ferramenta possui valor legal e é reconhecida pelos demais órgãos e pelas seguradoras de veículos. Ainda há diminuição das interdições/interrupções de tráfego e das ocorrências delas decorrentes. Os condutores declarantes devem ter e­mail para a comunicação entre o órgão e o cidadão.

Sem essa ferramenta, boa parte do trabalho dos policiais rodoviários federais se concentrava no atendimento de acidentes sem vítimas e com pequenos danos materiais.
Sem essa ferramenta, boa parte do trabalho dos policiais rodoviários federais se concentrava no atendimento de acidentes sem vítimas e com pequenos danos materiais.

A e­DAT objetiva o registro dos acidentes simples, aqueles acidentes típicos de colisão traseira com danos somente nos para­choques, leves amassamentos, retrovisores quebrados, arranhões etc. Com o documento, a PRF passa a priorizar o atendimento de acidentes graves ou que comprometam a segurança, além das atividades de fiscalização de trânsito e de combate a crimes.

Sem essa ferramenta, boa parte do trabalho dos policiais rodoviários federais se concentrava no atendimento de acidentes sem vítimas e com pequenos danos materiais. Gratuita, a e­DAT será emitida em até cinco dias úteis, após validação. Cada envolvido pode fazer sua própria declaração. Se houver acordo entre as partes, pode ser feito um único documento com os dados de todos os envolvidos. O prazo para a confecção da e­DAT é de 60 dias.

A PRF orienta a todos que, para os casos em que o registro do acidente seja realizado por meio da e­DAT: Anotem o local (BR e Km), a data e o horário da ocorrência; Fotografem a posição dos veículos envolvidos, os danos aparentes Retirem os veículos das faixas de rolamento, cumprindo o previsto no Art. 178 do Código de Trânsito Brasileiro, pois o descumprimento se constitui em infração média, com valor de R$ 85,13, com 04 pontos na CNH do condutor infrator.

Deixe seu comentário

Comments are closed.