Professores da rede municipal de ensino fizeram uma passeata na tarde de hoje para pedir agilidade nas negociações pelo aumento de salário da categoria para este ano.

De acordo com o sindicato dos professores, a entidade já apresentou uma proposta de aumento salarial de 13,01%. “Nós apresentamos uma proposta de reajuste e mais um reajuste de 30% que seria feito através de parcelamento para  recompor as perdas salariais referentes aos anos de 2005 a 2010”, explicou o professor Adriano Albertino, presidente do sindicato em Guarapari.

Professores saíram em passeata até a sede da Semed. Foto: João Thomazelli/Portal 27
Professores saíram em passeata até a sede da Semed. Foto: João Thomazelli/Portal 27

Ainda de acordo com o professor, até o momento a prefeitura não se manifestou em apresentar uma contraproposta. Por isso os professores fizeram a manifestação, que saiu da Faculdade Pitágoras, onde aconteceu uma assembleia, e seguiu até a sede da Secretaria de Educação de Guarapari.

Se até o dia 15 de abril a prefeitura não se manifestar ou apresentar uma contraproposta, os professores podem entrar em greve.

“Esta é uma manifestação natural dos professores. A prefeitura está estudando a proposta feita pelo sindicato e em breve dará uma resposta”, afirmou Diana Márgara, secretária de educação do município.

Deixe seu comentário