Policiais Militares do 10º Batalhão em Guarapari, nesta sexta feira realizavam patrulhamento por volta das 23h14, no bairro São José, na Rua Muqui, quando avistaram um indivíduo, que ao perceber a presença dos policiais tentou fugir em direção a um  beco foi alcançado.

Durante a busca pessoal no suspeito foi encontrado a quantia de R$ 100,00 reais trocada em notas de R$ 20,00, R$ 10,00 e R$ 5,00e nas proximidades em que ser encontrava foram encontradas 06 pedras de substâncias semelhante a crack. O infrator foi identificado sendo um adolescentes de 16 anos, que diante dos fatos  informou ser de sua propriedade o entorpecente encontrado. É bom ressaltar que durante a abordagem o adolescente recebia mensagem em seu celular solicitando a entrega do pó. O adolescente foi entregue ao DPJ.

images (19)

Outras prisões.Por volta das 22h Policiais Militares do 10º Batalhão em Guarapari prosseguiram por determinação do Ciodes ao bairro Perocão, nas proximidades da Ponte, com o intuito de verificar uma ocorrência de tráfico de drogas, a qual estaria ocorrendo dentro de um barco de pesca. Ao chegar ao local, os policiais abordaram dois indivíduos, sendo encontrado com os abordados uma bucha de substância similar  a cocaína, nove pedras de substância semelhante a crack, R$ 145,00 reais em espécie, e $01 (um dólar).

Ao indagar os Abordados   Manoel Siqueira Lima, 20 anos e Joao Vitor Venancio, 20 anos, disseram que os entorpecentes eram para consumo próprio. Todavia no momento da abordagem se deslocava para o local um usuário de drogas já conhecido da guarnição, além disso, os abordados não possuíam nenhum  objeto (isqueiro, cachimbo, papel, etc) que indicassem que eles iriam usar a droga, fato que levou a guarnição a acreditar que os indivíduos estavam traficando no local. Eles foram encaminhados ao DPJ, para maiores esclarecimentos.

De acordo com a PM, esta prisão só pode ser feita graças a parceria de um cidadão que informou ao CIODES, através do 190, proporcionando os Policiais flagrarem a ação delituosa dos infratores.

Fonte PMES.

Deixe seu comentário