Após dois dias seguidos de manifestações dos alunos pedindo melhorias na infraestrutura da Escola Estadual Leandro Escobar, localizada em Perocão, Guarapari, nesta sexta-feira (07) a Secretaria Estadual de Educação (Sedu) enviou uma equipe de engenharia à instituição para avaliar o que pode ser feito.

A quadra da escola não é coberta e, em dias de chuva as aulas de educação física acontecem dentro da sala.

A informação é de uma estudante que confirmou a visita e disse que “eles foram na escola averiguar todo o local e falaram que na quarta-feira vão dar uma resposta para a gente do que vai ser feito”.

Na manifestação realizada na manhã desta quinta-feira (06) os alunos impediram o acesso ao colégio e foram para as ruas com cartazes e rostos pintados para chamar a atenção da sociedade para os problemas que enfrentam. Um dia antes os estudantes já haviam realizado um protesto pelas ruas do bairro Perocão, onde a escola fica localizada.

Na manifestação realizada nesta quinta-feira os estudantes impediram o acesso a escola e foram para as ruas do bairro protestar pela segunda vez.

Além das manifestações nos últimos dias, no início da noite os estudantes divulgaram uma carta aberta relatando os problemas estruturais da escola e cobrando uma resposta da Secretaria Estadual de Educação (Sedu).

CARTA ABERTA 
INFRAESTRUTURA, CUIDADO E 
SEGURANÇA DOS ESTUDANTES.

Nós, alunos da escola EEEFM Leandro Escobar, viemos por meio deste documento informar a falta de infraestrutura. Estamos em condições precárias de estudo. 
Esperamos que com esse clamor a Secretaria da Educação ”SEDU”, nos atenda com melhorias que, são estas: 
1-SALA COM CAPACIDADE PARA COMPORTAR TODOS OS ALUNOS.
Nos encontramos com salas que a metragem não condiz com a quantidade de alunos. 
2-CLIMATIZAÇÃO ADEQUADA.
As salas são extremamente quentes, com ventilação inadequada para estudo. 
3-LABORATÓRIOS.
A escola não possui nenhum tipo de laboratório. 
4-BIBLIOTECA.
Nossos livros são comportados em armários, pois não há espaço e um local para serem armazenados. 
5-REFEITÓRIO.
Não temos um refeitório que comporte a demanda de alunos da instituição, além de não ter pratos, copos e talheres suficientes. 
6-BANHEIRO.
Temos apenas dois banheiros, um feminino e outro masculino, com somente 3 divisões, sendo extremante apertados para executar nossas necessidades. 
7-QUADRA.
A escola não possui uma quadra decente, tendo que praticar a nossa matéria de Educação Física no sol, em condições desumanas. Não temos a cobertura da quadra, quando chove, alaga.

São várias as nossas necessidades, sabendo que como estudantes de uma escola estadual, temos direito a uma escola estruturada que atenda toda população NORTE, da cidade de Guarapari.

Portal 27, que noticiou no dia 30 de março as dificuldades que alunos enfrentam para conseguir estudar e vem acompanhando as manifestações dos estudantes, procurou a Sedu para saber o que os engenheiros constataram, quais melhorias serão realizadas e quando elas serão feitas, mas até o fechamento dessa reportagem nenhuma reposta foi enviada.

ATUALIZADO ÀS 20H08: A Secretaria de Estado da Educação (Sedu) informa que a equipe de engenharia esteve na unidade escolar, na manhã desta sexta-feira (07), e que as demandas foram coletas para que possam ser analisadas e assim viabilizado o atendimento.