JB Padrão
Banner TOP

Nesta quinta-feira (12), na sessão extraordinária da Câmara Municipal de Guarapari, os vereadores aprovaram uma emenda parlamentar  que direciona R$300 mil reais para área da Saúde, vindos do governo federal.

Na sessão extraordinária desta quinta (12), os vereadores aprovaram uma emenda parlamentar que injeta R$300 mil na Saúde de Guarapari. Foto: Cecília Rodrigues.

Na última sessão esse requerimento já havia entrado em discussão na tribuna, e alguns dos parlamentares o barraram na ocasião para pedir mais informações sobre o responsável por enviar essa verba.

Thiago Paterlini. Foto: Câmara.

Thiago Paterlini, relator da comissão de finanças, fala que ainda não conseguiram essa informação, mas que o recurso foi aprovado por ser destinado à Saúde. “Não chegou essa informação de quem seria o senador ou deputado federal que fez essa emenda. Nosso intuito em saber quem é o responsável é pela facilidade de fiscalizar o ato. Mas recurso para a Saúde nós temos que estar sempre de braços abertos e aprovar o mais rápido possível” diz Thiago.

Contas. Já na sessão ordinária, a Comissão de Finança da Câmara deu parecer favorável, com pequenas ressalvas, às contas de Edson Magalhães, em 2006, no período de dois meses em que ele esteve a frente do executivo por conta do afastamento do então prefeito,  Antônio Gotardo.

Marcos Grijó é o presidente da Comissão de Finanças da Câmara. Foto: Cecília Rodrigues.

O presidente da comissão, Marcos Grijó, comenta a aprovação das contas. “Elas foram aprovadas, somente com pequenas ressalvas, vindas de erros técnicos, contábeis. Mas não havia erro de não aplicação de recursos. O maior problema no Tribunal de Contas é quando não se aplica, por exemplo, os 25% destinados à Educação, ou se aplica menos, ou então os 15% da Saúde.  Quando há uma fuga do investimento há erro, mas não foi o caso. Aprovamos com o pequenas ressalvas somente por conta  de erros técnicos”, afirma Grijó.

Fernanda Mazzelli fez pedidos em prol da saúde da mulher. Foto: Cecília Rodrigues.

Mulheres. Também na Sessão a vereadora Fernanda Mazzelli apresentou dois requerimentos, que foram aprovados, em prol da saúde da mulher. Um deles foi o pedido de acompanhamento psicológico para mães que sofrem aborto espontâneo. “Temos como bandeira a luta da mulher, faço parte do Conselho Municipal da Mulher, e a gente vê que tem muito problemas da saúde da mulher. Passar por um aborto é uma questão que marca muito a vida da mulher, ela precisa passar por um tratamento e muitas vezes não têm condição de fazer esse acompanhamento”, conta Fernanda.

Outro requerimento da parlamentar é o pedido para que as servidoras públicas tenham metade do dia de serviço abonado para realizar exames preventivos de câncer. “É um incentivo para que as mulheres cuidem da saúde, tendo em vista que o câncer de mama é o que mais mata mulheres. E muitas vezes, por conta da rotina de trabalho, esses exames são adiados. Mas é de extrema importância que as mulheres estejam atentas a isso”, conclui Fernanda.

Institucional MAllagutti
Institucional M Conveniências [banner top]
Banner Marcelo
Institucional Basic Idiomas

Padrão
PMG

1 COMENTÁRIO

  1. Parabéns a vereadora Fernanda Mazelli por se preocupar com as mulheres! Essa sim deveria ser a nossa Deputada Estadual e não o Sr. Wendell Lima que não faz nada.
    Fernanda queremos você como Deputada Estadual!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here