A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe foi prorrogada até o dia 15 de junho em todo o país. A recomendação do Ministério da Saúde foi adotada em decorrência dos possíveis impactos da paralisação dos caminhoneiros no transporte público e nos atendimentos em serviços de saúde. A campanha estava prevista para encerrar nesta sexta-feira (01).

Em Guarapari, até agora aproximadamente 72% do grupo prioritário recebeu a dose da vacina, mas a meta, estipulado pelo Ministério da Saúde é de 90%.

Conforme recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) o grupo prioritário da campanha são pessoas a partir de 60 anos, crianças de seis meses aos menores de cinco anos, trabalhadores de saúde (apresentar documento do conselho), professores das redes pública e privada (comprovante da escola), povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade – o que inclui adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas – e os funcionários do sistema prisional.

aproximadamente 72% do grupo prioritário recebeu a dose da vacina, mas a meta, estipulado pelo Ministério da Saúde é de 90%. Foto:Marco Antônio/Secom

Portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais devem apresentar prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) deverão se dirigir aos postos em que estão registrados para receberem a vacina, sem a necessidade de prescrição médica.

A vacina contra gripe é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença, internações ou, até mesmo, óbitos. Ela protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, de acordo com determinação da OMS, (A/H1N1; A/H3N2 e influenza B).

Serviço de vacinação em Guarapari – Horário: de 8h às 15h

Locais:

Unidade de Saúde “Terezinha Loyola”;

Unidade de Saúde “Mário Sérgio Pereira”;

Unidade de Saúde “Terezinha Santos”;

Unidade de Saúde “Maria Madalena Astori Gobbi”;

Unidade de Saúde “Dr Roberto Calmon”;

Centro Municipal de Saúde;

Unidade de Saúde “Jader Avelar”;

Unidade de Saúde “Pedro Machado”;

Unidade de Saúde “Luiz Buback”;

Unidade de Saúde “Normilia Cunha”;

Unidade de Saúde de Santa Mônica;

Unidade de Saúde de Setiba;

Obs.: No momento não será aberta vacinação para outros grupos.

Deixe seu comentário