A Comissão de Turismo e Esportes da Câmara Municipal de Guarapari, convocou o vice-prefeito e ex-secretário de Esportes e Lazer, Miguel Agrizzi e a atual secretária da pasta, Cláudia Martins, para compareceram na Câmara e dar explicações sobre uso de recursos da Taça das Comunidades.

R$ 30 mil. Os dois, porém, não compareceram. Segundo a presidente da Comissão, vereadora Fernanda Mazzelli (PSD), o município foi contemplado com R$ 30 mil para aplicar em uma benfeitoria voltada para o esporte. Porém, segundo os vereadores, a única coisa que foi feita foi uma quadra de areia, em Muquiçaba.

Vereadores e membros da comissão: Denizart Luiz, Fernanda Mazzelli, Lennon Monjardim

“Gostaríamos de ter recebido os esclarecimentos porque é extremamente duvidoso que R$ 30 mil reais tenham sido empregados nesta quadra de areia, que está tomada pelo mato e nunca foi utilizada pelos atletas do bairro. Temos muitas dúvidas e esperávamos que eles tivessem comparecido e, infelizmente, não recebemos nenhuma justificativa pela ausência deles”, disse a vereadora.

EDP. Ainda de acordo com a parlamentar, a Comissão pediu informações a EDP sobre a doação do recurso da Taça das Comunidades e foi informada que toda a documentação foi encaminhada para a Secretaria de Esportes. Já a Secretaria informou, em fevereiro, que o município e a Secretaria não eram responsáveis. “A gente quer saber então como foi realizada esta pequena obra em um local que é do município? ”, questionou Fernanda.

Membro da Comissão, o vereador Lennon Monjardim (Podemos) também gostaria de informações. “Como é um terreno da prefeitura e, inclusive, está sob responsabilidade da Secretaria de Esportes, cabe a Secretaria responder o quanto foi gasto e nos prestar os esclarecimentos. A população pede que isso seja feito o mais breve possível”, afirmou.

Segundo os vereadores, a única coisa que foi feita foi uma quadra de areia, em Muquiçaba.

Lei Orgânica. O relator da Comissão, vereador Denizart Luiz (PSDB) ressaltou que a convocação do prefeito, secretários e responsáveis pela administração direta e indireta de empresas públicas de economia mista e fundações para prestar esclarecimentos para à Câmara está prevista no artigo 47 da Lei Orgânica Municipal. “Nós estamos fazendo a nossa parte. Cabe a eles ter responsabilidade e caso eles não hajam com responsabilidade, a Lei vai fazer eles cumprirem essa responsabilidade porque iremos levar o caso para o conhecimento da justiça”, disse o parlamentar.

Nova convocação. A Comissão irá realizar uma nova convocação para a reunião que deve ser acontecer na próxima semana.

Explicações. O Portal 27 perguntou a prefeitura para que ela nos desse explicações sobre o não comparecimento do vice-prefeito e da secretária e fomos informados que:

“Em fevereiro do corrente ano, o então Secretário de Esporte e Lazer, Miguel Agrizzi, encaminhou um ofício à Comissão de Turismo e Esporte da Câmara, respondendo os questionamentos.

O Torneio Taça da Comunidades foi TOTALMENTE ORGANIZADO E REALIZADO PELA INICIATIVA PRIVADA, não havendo repasse de recursos à Prefeitura de Guarapari.

Isto posto, o recurso foi repassado pelo organizador do evento diretamente à empresa responsável pela construção da quadra, conforme solicitação da equipe vencedora da competição. A prefeitura apenas cedeu área pública para execução da quadra.

Ainda, nem o anterior ou a atual responsável pela Secretaria de Esporte e Lazer – Sel, Claudia Martins, compareceram à reunião pois não receberam nenhum convite para a data 24/06. A atual Secretária encaminhou ofício à Câmara, em 19 de junho de 2019, se colocando à disposição para qualquer data compatível que fosse fixada, entretanto, não obteve retorno.”

Deixe seu comentário