O conhecimento adquirido em sala de aula faz parte da II Gincana do Conhecimento da Escola Leandro Escobar, localizada em Perocão, em Guarapari. O evento que acontece hoje, conta com a participação de aproximadamente 500 alunos e é a culminância de ações diversas, inclusive de ações sociais, desenvolvidas ao longo do projeto.

Alunos durante a gincana. Fotos: divulgação da escola.

Dez tarefas foram determinadas aos alunos e conta pontos para a Gincana que começou 8h e vai até às 18 horas, na quadra da Escola Municipal José Antônio de Miranda. Hoje, os alunos estão apresentando grito de guerra, mascote, paródia, desfile do Lixo ao Luxo, construção de pilha, molécula de DNA, experimentos de física, circuito matemático, competição de corrida e torta na cara, onde os estudantes precisam responder as perguntas para não levar torta na cara. 

Alunos do turno matutino e vespertino, professores, diretor, coordenadores e pedagogos, todos estão envolvidos na gincana. Os alunos foram divididos em quatro equipes de cores diferentes, que fizeram atividades na área social, atividades culturais e cognitivas (desafios de matemática, química, Biologia, etc.), “por isso o nome gincana do conhecimento”.

“A gincana visa proporcionar ao aluno uma forma lúdica de aprender, de forma também com que haja o prazer pelo aprender e demonstrar a aprendizagem que ele conseguiu adquirir pelos estudos”. A coordenadora acrescenta que a diretora da escola, Lilian Correia Rangel, participa integralmente na realização da gincana e “não tem medido esforços para oferecer o melhor para haver o sucesso nessa gincana”, disse uma das coordenadoras da escola, Maria Aparecida Nossa.

Mais de 4 mil quilos de alimentos foram arrecadados.

Aparecida conta que as ações iniciaram-se com arrecadação de alimentos (em que cada tipo de alimento tinha uma pontuação) que foram doados para o Centro Social Santa Mônica, localizado no bairro Bela Vista. Algumas cestas básicas também foram distribuídas às pessoas carentes de Perocão. Mais de 4 mil quilos foi arrecadado.  

Alunos se divertem durante as gincanas.

Pais e comunidade. Os pais estiveram, ao longo da gincana, auxiliando os filhos. Toda a comunidade de Perocão colaborou na doação de alimentos e no levantamento de informações sobre o bairro.

A coordenadora registra um agradecimento especial à Secretária Municipal de Educação, Sônia Meriguetti, juntamente à diretora da escola José Antônio de Miranda que liberaram a quadra da escola para a realização do evento, em função do mau tempo.

Idealização. De acordo com a idealizadora e organizadora geral do projeto, Mônica Amorim Gonçalves, a ideia da gincana do conhecimento surgiu no ano passado. “Eu iria fazer só de matemática, com as turmas que eu trabalho. Seria o GINCALCULANDO. No conselho de classe fui falar sobre o projeto e decidiram envolver toda a escola. Aí escrevi outro envolvendo toda escola e todas as disciplinas. O projeto cresceu, sendo que hoje, envolve todas as áreas do conhecimento”, completa a professora. 

A Gincana é aberta ao público e vai até às 18 horas, na quadra da Escola Municipal José Antônio de Miranda. A equipe vencedora será a que somar mais pontos. Nós divulgaremos o resultado. 

Comments are closed.