O secretário de Estado de Turismo, Dorval Uliana, participou, na manhã desta sexta-feira (22), de uma reunião com representantes da rede hoteleira, bares, restaurantes e casas noturnas de Guarapari. Na pauta, o impacto da pandemia no segmento do turismo e o planejamento das ações pós-vacina, visando à recuperação do setor.

“Assim como em todos os destinos turísticos, a pandemia causou impactos no fluxo de visitantes e, consequentemente, impacto econômico no setor, o que leva à necessidade de, mais do que nunca, o setor se reunir com o poder público e trabalharmos juntos para reverter a situação”, disse Uliana.

Na pauta, o impacto da pandemia no segmento do turismo e o planejamento das ações pós-vacina, visando à recuperação do setor.

O secretário falou sobre as ações realizadas pelo Governo do Estado no que se refere à administração da crise, destacando ações contidas no Plano de Retomada da Economia do Turismo. “Desde o início da pandemia, mantemos o diálogo com o setor, buscando amenizar os impactos da crise. Viabilizamos junto ao Bandes linhas de crédito do Fungetur, em condições mais acessíveis, e o Governo do Estado, em uma iniciativa única no País, disponibilizou o Fundo de Aval para as 15 atividades que compõem o segmento do turismo. Realizamos ampla campanha promocional para fomentar o turismo interno, convidando o trade a participar com ações comerciais, ampliamos nossas ações de promoção nacional e conseguimos um expressivo resultado com a quarta menor queda na atividade turística no País, medida pelo IATUR do IBGE. Um resultado muito importante”, enfatizou Uliana.

Participaram do encontro a secretária-adjunta de Turismo da Prefeitura de Guarapari, Helione Bacovis; o presidente da Associação de Hotéis e Turismo de Guarapari (AHTG), Marcos Azevedo, e o diretor da AHTG, José Luis Canejontes; o diretor da instituição, José Luís Canejo; o empresário da hotelaria local e presidente do Conselho Estadual de Turismo (Contures), Fernando Otávio; e o presidente da Associação de Bares, Restaurante e Casas Noturnas (Abrecan), Marcelo Meira.

Na oportunidade, as entidades representativas dos meios de hospedagem e dos bares, restaurantes e casas noturnas entregaram um documento à Setur contendo reivindicações e sugestões de medidas, visando à recuperação do setor. A documentação que será encaminhada para o núcleo gestor de crise do Governo do Estado.

Pesquisa

O município de Guarapari é um dos destinos mais conhecidos do Espírito Santo. Segundo pesquisas realizadas pelo Observatório do Turismo, em janeiro de 2020, 100% dos turistas que visitam Guarapari buscam atividades de lazer e a maioria (33,3%) é formada por casais com crianças. O ticket médio é de R$ 89,64 e a maioria dos turistas (78,2%) é de Minas Gerias, 11,2% do Rio de Janeiro e 3,5% do Distrito Federal.

Mais detalhes: https://observatoriodoturismo.es.gov.br/pesquisas-temporada-de-verao

Deixe seu comentário