Um homem foi preso na tarde deste sábado (17) acusado de estuprar e engravidar a própria filha de 17 anos. De acordo com relatos da vítima, ele era abusada sexualmente pelo pai desde os 14 anos de idade.

A adolescente não havia procurado a polícia antes porque o pai frequentemente a ameaçava de morte e já chegou a dar tapas nela durante os estupros para a intimidar. Em depoimento à polícia a vítima explicou que os estupros ocorriam sempre de madrugada e algumas vezes com mais pessoas em casa.

Na última quinta feira (15) a adolescente passou mal e o pai estuprador a levou para a Unidade de Pronto Atendimento no Bairro Ipiranga e depois a deixou na casa da avó. conversando com uma das tias e a adolescente acabou contando sobre os abusos. Imediatamente eles foram para a delegacia e contaram o caso ao delegado de plantão Jeferson Wagner.

O delegado então mandou dois policiais buscar o estuprador, que almoçava em um restaurante. Ele não resistiu e foi levado para delegacia e autuado em flagrante na Lei Maria da Penha por ameaça, mas o delegado ressalta que ele também vai responder pelo estupro.

“Ele vai responder pelo estupro. Neste caso, a pena é aumentada por se tratar de menor de idade, ser filha dele e ainda por tê-la engravidado. A pena pode chegar a 20 anos”, explicou o delegado.

O nome e o bairro onde o acusado mora não serão divulgados para não expor a vítima.

Comments are closed.