Os imóveis que não estão ligados a rede coletora de esgoto da Cesan e já foram notificados pela Secretaria de Meio Ambiente (Sema) para realizarem o serviço e não o fizeram podem ser multados em até R$ 8 mil.

Esgoto sendo lançado na areia da Praia do Riacho.

A informação é da secretária de Meio Ambiente Thereza Christina. “Todas as notificações que já geramos, demos um prazo de 20 dias para a pessoa se adequar. As pessoas que não se adequaram ainda vão receber o auto de infração que gira em torno de R$ 4 mil a R$ 8 mil. Tem pessoas que são reincidentes. Já receberam a primeira e a segunda notificação e insistem em não tomar a providência que deve ser tomada”.

“Cabe ao proprietário que ainda está com seu esgoto ligado à rede pluvial ou em um procedimento de fossa filtro sumidouro, sabendo ele que tem a rede coletora na porta de sua casa, ter esse procedimento para evitar uma possível visita da Secretaria de Meio Ambiente com uma notificação e com um alto de infração por conta disso”, afirmou a secretária.

Segundo Thereza Christina, 67% do município é coberto com a rede coletora da Cesan. “Somente 23% do município ainda não tem a rede coletora. A média do Brasil é de 33% e Guarapari é contemplada com 67% de rede coletora da Cesan na porta dos imóveis”.

Apesar desse percentual expressivo, muitas casas não foram ligadas a rede coletora. “Para nossa surpresa, somente 58 % dos 67% tem o esgoto ligado na rede coletora. O grande objetivo da secretaria hoje é notificar os imóveis que estão jogando o esgoto ainda na rede pluvial do município, contaminando nossas praias e nosso lençol freático”.

Ainda de acordo a secretária, semanalmente um técnico da Cesan e um fiscal da Sema fazem um levantamento sobre a ligação na rede coletora de esgoto. Ela relatou ainda que “temos o exemplo da Praia do Morro, que foi o primeiro bairro que pegamos. 100% do bairro tem rede coletora da Cesan e ainda tínhamos 96 imóveis que ainda jogavam seu esgoto na rede pluvial. Eles foram notificados, demos um prazo e agora temos um levantamento de quais imóveis que não fizeram esse procedimento porque vai para a rede coletora da Cesan e vai ser tratado para ser devolvido depois para a natureza”.

Ela disse ainda que os imóveis do Centro também estão sendo fiscalizados. “Temos milhões investidos nessas redes coletoras que já estão implantadas e estão a nosso dispor, mas estão subutilizadas. Nosso papel enquanto Secretaria de Meio Ambiente é fazer as pessoas ligarem o esgoto delas na rede coletora da Cesan e não na rede pluvial. Já fizemos a Praia do Morro Todo e agora já adentramos para o Centro”.

Deixe seu comentário

Comments are closed.