Uma live especial vai contar e discutir um dos períodos históricos de formação do Estado do Espírito Santo. A transmissão ao vivo chamada “Ecos da rebelião indígena de Rerigtiba e Orobó de 1742”, vai acontecer na próxima terça-feira (20), às 19h, e trará 4 especialistas que vão debater sobre como e por que aconteceu esse fato histórico na região do Litoral Sul do Espírito Santo.

A transmissão será feita pelos canais oficiais da prefeitura de Piúma (Youtube e Facebook), que apoia o projeto através da Secretaria de Turismo, Esporte e Cultura. Entre os debatedores estão: Luís Rafael Araújo Corrêa, Leonardo N. Bourguignon, Henrique A. Valadares Costa e Luiz Cláudio M. Ribeiro, todos estudiosos e especialistas do tema.

A transmissão será feita pelos canais oficiais da prefeitura de Piúma (Youtube e Facebook), que apoia o projeto através da Secretaria de Turismo, Esporte e Cultura.

Eles vão explicar e dar detalhes da rebelião indígena iniciada na aldeia de Rerigtiba, atual cidade de Anchieta, acontecida em 1742, tornando-se a maior revolta da história da capitania do Espírito Santo e que deu origem a um foco de resistência independente no vale do Orobó, em Piúma.

Os motivos da rebelião e seus desdobramentos serão os temas discutidos nessa live exclusiva e gratuita, que contará com a inscrição online e certificado emitido pela Pró-Reitoria de Extensão da UFES (ProEx).

Acesse o link para fazer a inscrição e receber o certificado:

https://bityli.com/m3vag

Para assistir a live acesse os links:

Youtube:

https://bityli.com/QQjUz

Facebook:

https://bityli.com/k99mA

Deixe seu comentário