Em nota à imprensa, a Marinha do Brasil emitiu alerta sobre a formação de um ciclone com possíveis características subtropicais, a partir desta quinta-feira (23). O desenvolvimento e o aprofundamento do ciclone poderão reforçar a convergência de umidade, ocasionando ainda mais acumulados grandes de chuva sobre o litoral do estado do Espírito Santo e Sul do estado da Bahia e, também, sobre a área marítima de atuação do fenômeno.

Juntamente com o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) e o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/INPE), o Centro de Hidrografia da Marinha (CHM) afirma que a área de formação do ciclone subtropical será em alto-mar, entre o Norte do estado do Rio de Janeiro e o Sul do estado do Espírito Santo.

Ainda conforme a informação concedida pela Marinha, formação do ciclone está associada ao estabelecimento de uma zona de convergência sobre uma região em que a temperatura da superfície do mar está sendo observada entre 26ºC e 27ºC.

Mais de 60 cidades do estado em alerta. O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) emitiu alerta a 60 cidades do Espírito Santo onde pode chover acima da média, com raios e chance de rajadas de vento. Esse mesmo alerta inclui as cidades de Alfredo Chaves, Iconha e Vargem Alta, que entraram com pedido de estado de calamidade pública.

É recomendado aos navegantes que consultem as informações da Marinha antes de se fazerem ao mar. O mesmo se faz necessário às comunidades de pesca e esporte e recreio.

Para consultar as informações meteorológicas marinhas, clique aqui.

Para consultar todos os avisos técnicos de mau-tempo, clique aqui.