Duas mulheres que teriam mais de 70 registros de golpes na polícia aplicaram na última quarta-feira (5), mais um deles em um comerciante de Guarapari.  O comerciante que não quis ser identificado e trabalha com comida japonesa explicou o ocorrido. 

Segundo a vítima. “Elas chegaram, consumiram várias bebidas e comeram. Na hora de pagar, uma delas já estava com o celular na mão e olhando muito para ele. Isso me chamou atenção. Passei o cartão e ele acusou que não tinha crédito na conta. Ela me disse que devia ter algo errado, pois havia depositado 200 reais e me mostrou o aplicativo do banco com o saldo”, disse o comerciante.

Imagens da Câmera interna mostram as mulheres dentro do estabelecimento.

De acordo com o comerciante, já desconfiado ele pediu que ela saísse do aplicativo e entrasse de novo. “Eu já tive conta nesse banco e quando ela saiu eu percebi que na conta ela só tinha R$ 3,66. Depois ela entrou de novo em uma parte do aplicativo que mostrou que ela tinha 200 reais. Mas como eu já fui correntista deste banco, eu sei que esse dinheiro é um tipo de calção, que só pode ser resgatado em caso de encerrar a conta”, afirmou.

70 registros. Segundo o comerciante, as duas insistiram em dizer que era algum problema do banco e disseram que voltariam ontem (6) para efetuar o pagamento. O comerciante anotou o nome delas e aguardou. Como elas não apareceram, ele foi até a delegacia nesta sexta (7) e registrou um boletim de ocorrência contra as mulheres que se identificaram, conforme consta no boletim, como Raquel e Juliana.  

“Quando eu passei o nome delas na delegacia, apareceram mais de 70 ocorrências em todo o sul do Estado. Cachoeiro, Itapemirim e Piúma, por exemplo. Fica o alerta para os comerciantes saberem que elas estão dando esses golpes em Guarapari. Só causando prejuízos nos comerciantes que lutam para sobreviver. O meu prejuízo foi de mais de cem reais”, afirmou

Deixe seu comentário

Comments are closed.