Os quatro homens foram detidos e encaminhados para o DPJ do município.
Os quatro homens foram detidos e encaminhados para o DPJ do município.

Quatro homens foram presos no cumprimento de mandados de busca e apreensão em suas residências nas localidades de Jabuti e Cachoeirinha, zona rural do município de Guarapari, neste sábado (08).

Após denúncias anônimas versando sobre caça de animais silvestres e consumo principalmente nos finais de semana, a Polícia Militar Ambiental de posse dos mandados de busca e apreensão para cinco propriedades rurais, montou uma operação com cinco viaturas e um efetivo reforçado que resultou na apreensão de 08 (oito) espingardas, 01(um) revólver calibre 38, 107 (cento e sete) munições de diversos calibres, roupa camuflada para caça, 03 (três) aves silvestres, 08 (oito) lanternas e três canhões, um tipo de armadilha muito perigosa tanto para animais como para pessoas que transitam no meio da mata e que quando acionada, resulta em um disparo de projétil podendo ferir ou até matar.

bmp
Todo material apreendido também foi entregue no DPJ de Guarapari

Em uma das propriedades em Jabuti, uma espingarda foi encontrada dentro de um cano, escondida em um canto do terreno. Das residências abordadas durante a operação, quatro cidadãos foram detidos e encaminhados ao DPJ de Guarapari por estarem de posse de armamento sem autorização legal.  

Todo material apreendido também foi entregue no DPJ de Guarapari, sendo que os pássaros ao final da ocorrência foram encaminhados ao viveiro da 1ª Companhia do BPMA em Cariacica, de onde seguirão para o Projeto Cereias em Aracruz.

Segundo o tenente Idevan, a região rural de Guarapari é composta por várias propriedades rurais com grande densidade de Mata Atlântica, o que tem atraído pessoas com interesse da caçar animais silvestres, e por isso conta com a participação da população com suas importantes denúncias.

Deixe seu comentário