A equipe da Divisão Especializada de Atendimento à Mulher (DIV-Deam) realizou uma operação na madrugada dessa quinta-feira (28), que resultou na prisão de dois suspeitos de praticar violência doméstica e familiar contra mulher, em Guarapari. A PC não informa a identidade dos detidos.

O mandado de prisão preventiva contra  o suspeito de 32 anos  foi cumprido no bairro Camurugi, e um suspeito de 28 anos foi detido no bairro Praia do Morro, ambos em suas residências. “Essas prisões são em continuidade às ações engendradas por meio das Operações Maria’s. Os mandados de prisão cumpridos hoje são referentes a descumprimento de Medida Protetiva de Urgência”, disse a titular da DIV-Deam, delegada Cláudia Dematté.

O detido de 32 anos responde por crime de lesão corporal qualificado pela violência doméstica e familiar contra a mulher e o segundo suspeito reponde pelo crime de ameaça.

A operação seguiu para a Serra, e no bairro Vila Nova de Colares, os policiais apreenderam uma pistola calibre 9mm com três carregadores e 15 munições do mesmo calibre.  “Quando a vítima registrou o Boletim de Ocorrência, ela relatou as ameaças reiteradas por parte do ex-companheiro, decorrentes da não aceitação do término do relacionamento. Ela ainda informou que o autor possuía arma de fogo, apreendida durante a operação, e alegou que este teria coragem de ceifar a sua vida”, explicou Cláudia Dematté.

Os detidos foram conduzidos para o Sistema Prisional, onde permanecem à disposição da Justiça. “A Div-Deam continuará trabalhando com veemência para o enfrentamento à Violência Contra à Mulher no Espírito Santo”, garantiu a delegada Cláudia  Dematté.

Deixe seu comentário