Valter era líder comunitário em Reta Grande, em Guarapari. Foto: Reprodução
Valter era líder comunitário em Reta Grande, em Guarapari. Foto: Reprodução

Já está preso um dos suspeitos de ser o mandante do assassinato do líder comunitário Valter Rosa da Silva, 50, que foi morto em março deste ano. (Veja o caso).

O homem foi identificado como Adeilson Pereira, conhecido como “Dedé”. Ele já estava com um mandado de prisão temporária em aberto por causa do crime.

Dedé
Conhecido como “Dedé”, Adeilson Pereira é suspeito de ser o mandante do crime.

No dia 7 deste mês a polícia já havia prendido John Lennon Couto Fernandes, 25, conhecido como Careca e Danilo Gonçalves Alves, 22 anos, acusados da execução de Valter (Reveja aqui), que era presidente da Associação de Moradores do bairro Rio Grande.

Todo o caso está sendo investigado pela Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) de Guarapari, sob responsabilidade do delegado Alexandre Lincoln.

Com informações do Portal 27 e do Folha Vitória