A Secretaria da Saúde do Espírito Santo (Sesa/ES) informa que iniciou, nesta quarta-feira (22), a investigação de um caso suspeito de Monkeypox no Estado. Trata-se de um homem, na faixa etária 30-39 anos, com histórico de viagem a diversos países com casos já confirmados para a doença.

Trata-se de um homem, na faixa etária 30-39 anos,

Ele se encontra em isolamento domiciliar, com início de sintomas, relatado pelo mesmo, em 13 de junho. O paciente apresenta lesões cutâneas em diversas partes de seu corpo, sintoma sugestivo e característico da doença. Seus contatos estão sendo monitorados pelo município.

A Sesa informa ainda que o Laboratório Central de Saúde Pública do Espírito Santo (Lacen/ES) é capacitado para realizar o teste molecular específico para detecção do vírus da Monkeypox, porém ainda não recebeu os insumos do Ministério da Saúde.

As amostras do paciente já estão em análise relacionadas as doenças que apresentem características semelhantes, tais como herpes, sarampo e sífilis (diagnóstico diferencial). Caso nenhuma das doenças sejam confirmadas, as amostras serão encaminhadas ao laboratório de referência na Universidade Federal do Rio de Janeiro.