Banner TOP
JB Padrão

Tirolesa, escalada e até observatório de baleias podem ser instalados no Parque Municipal Morro da Pescaria, em Guarapari.  Os atrativos turísticos fazem parte de uma programação de investimentos que têm possibilidades de serem implantados com a entrega do Plano de Manejo do Parque, que está previsto para junho deste ano.  

O plano de manejo do parque ainda é elaborado, e pode ser entregue em junho deste ano.

Biólogo da prefeituracoordenador do Parque, Rivelino Galvão, explica que a unidade de conservação vai delimitar oito áreas de zoneamento, onde estão incluídas áreas próprias para implantação de empreendimentos turísticos. 

“O parque vai ser dividido em zonas e cada uma delas vai possuir uma norma de utilização. Isso é muito importante para impor regras de utilização dentro do parqueA zona de uso intensivo é específica para instalação desses equipamentos e vai poder contemplar diversos atrativos como tirolesa, trilha ferrata, escalada e até outras atividades”, explica o coordenador do parque.  

As informações foram divulgadas na manhã de ontem, durante a quarta reunião pública para tratar sobre o Plano de Manejo do Morro da Pescaria. Responsável pelo projeto, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agricultura também está ouvindo a opinião dos moradores e sociedade organizada da cidade.  

objetivo, segundo a secretária da pasta, Thereza Cristina, é instituir normas de utilização do parque natural, para que a conservação seja mantida. Além disso, o plano é uma obrigatoriedade imposta pelo Sistema Nacional de Unidades de Conservação (Snuc), que rege o Morro da Pescaria. 

“Desde que o parque foi constituído como uma unidade de conservação, nunca foi feito um plano de manejo. Ele serve para se ter normas e diretrizes do que se pode ter e fazer lá dentro. Qualquer coisa que se queira implantar no parque deve passar por esse projeto”, explicou. 

E completa. “A própria unidade de conservação já é um grande atrativo turístico, mas existem vários projetos que podem ser implantados ali. Um observatório de baleias seria fantástico. Nós temos vários registros de baleias que passam no entorno do parque. Inclusive pesquisadores capixabas navegam em Guarapari para fazer registros de baleias no estado”, disse a secretária.

A secretária frisou que os atrativos turísticos é um desejo do município, mas ainda não foi definido se será implantado com o dinheiro público, ou se será realizada Parceria Público Privada (PPP). 

Institucional Basic Idiomas
Camara Municipal de Guarapari – Participe
Banner Marcelo

Institucional MAllagutti

4 COMENTÁRIOS

  1. Se o planejamento for o mesmo do hospital, vai terminar lá para 2043, mais ou menos quando estiverem soltando o Lularápio.

  2. Apenas conservem como está, continuem evitando: queimadas, que visitantes deixem lixo até mesmo um lacre de latinha, tampas de garrafas e não retirem plantas, apenas apreciem e desfrutem desse lugar maravilhoso e a natureza cuida do restante! PRESERVAÇÃO!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here