Após 15 dias de investigação extensa sobre o assalto a uma residência no bairro Buenos Aires, região rural de Guarapari (reveja a matéria), Policiais da Delegacia Patrimonial da cidade, detiveram Júlio César Louzada, de 31 anos. Ele possuí uma ficha criminal extensa e estava foragido do presídio de Xuri, em Vila Velha. Semana passada outro integrante da invasão a residência foi preso.

JC tem passagem pelo artigo 157 (roubo).
JC tem passagem pelo artigo 157 (roubo).

A Polícia chegou até o jovem através de informações anônimas e de imagens de videomonitorameto, segundo informações dos investigadores, ele teria participação no assalto à residência e também ao posto de pedágio na BR 101 em Amarelos, no último dia 27 de julho. Júlio foi preso em sua casa, no bairro Portal Clube. No local os policiais encontraram apenas duas buchas de maconha e quatro aparelhos celulares. O rapaz confessou aos policiais que participou dos dois assaltos.

No currículo do homem que é natural de Cachoeiro de Itapemirim, consta diversos roubos em várias cidades da região sul do ES, como Barra de São Francisco, Castelo, Guarapari e Cachoeiro. Agora ele adquiri mais um artigo para sua coleção.

Assalto ao Pedágio

Por volta das 18h do dia 27 do mês passado, a Polícia Militar foi acionada, com a informação de que no Pedágio da BR 101, estava acontecendo um assalto. Chegando ao local foram informados por Erick Katani da Silva,  de que ele havia sido rendido por um homem armado, levado até a sala onde existiam mais três trabalhadores que foram obrigados a abrir o cofre operacional e colocar todo o dinheiro existente no malote. O assaltante fugiu pelos fundos do escritório. Buscas foram realizadas junto com a Polícia Rodoviária Federal, mas ninguém foi encontrado.

Após as investigações, foram confirmadas a participação do funcionário junto com Júlio César nesse assalto.

Deixe seu comentário