Na última sessão (25), a presidente da Câmara de Anchieta, Terezinha solicitou a Secretaria de Educação que retire os móveis que estão abandonados em frente a Casa de Leis em um terreno baldio. Ela ainda convidou a população para comparecer a uma festa do Sindicato dos Produtores rurais em Dois Irmãos, que acontecerá no domingo.

A parlamentar ainda apresentou dois requerimentos verbais. No primeiro, ela pediu a troca das lâmpadas queimadas nos postes de Iriri. No outro, a limpeza da Rua Camélia, também em Iriri. “A limpeza no bairro para a retirada de entulho foi feita, mas algumas ruas não foram contempladas e estão sujas ainda”, explicou.

Tereza
Presidente da Câmara de Anchieta, Terezinha.

O parlamentar Zeco Rovetta pediu a instalação de duas academias populares na cidade. Uma em Alto Pongal e outra em Córrego da Prata. Os pedidos, segundo o vereador, são apelos dos moradores das regiões citadas.

Na mesma sessão, ele ainda sugeriu a instalação de um abrigo de ônibus nas comunidades de Guanabara e Planalto. De acordo com Zeco, essas solicitações são desejos da população. “Estou certo desses pedidos, pois acredito na preocupação dos moradores”, conta.

A vereadora Merinha enviou duas indicações endereçadas ao secretário de Infraestrutura, Wilson Xavier. Ela pediu que seja feita a manutenção e limpeza, com frequência, da Estrada que dá acesso a comunidade de Peraquara, para melhorar o local.

Merinha Rovetta
Vereadora Merinha.

Merinha ainda solicitou estudos técnicos para a instalação de quebra-molas e faixas de pedestres na Rodovia do Sol, próximo a Prefeitura e ao CEU, na Rua Augusto Freire, no bairro Justiça I e na Rua Adriano Libardi, próximo ao Bar do André, em Alto Pongal. “A execução destes serviços melhorará a segurança dos pedestres”, diz.

Já em requerimento, a parlamentar cobrou ao Prefeito o pagamento de adicional de periculosidade para os membros da Guarda Municipal. “Com a aprovação da Lei 12.740/2012, o Senado sanou a lacuna na CLT no que diz respeito aos Guardas Municipais receberem periculosidade, por isso, com o reconhecimento de suas atividades pelo Ministério do Trabalho, eles devem receber esse benefício”, explica.

Robinho indicou ao prefeito, Marcus Assad, que seja providenciado a concessão de vale transporte aos servidores públicos do município. O intuito é fomentar a política de recursos públicos da administração.

“A implementação da medida é uma forma de valorizar o servidor. Além disso, a indicação é mero completo que fora prometido no plano de governo apresentado pelo Executivo”, afirma.

Robinho ainda sugeriu à Secretaria de Infraestrutura a instalação de corrimão na nova orla de Parati. “Como a obra está em fase final, é mais fácil fazer a instalação. Ela é uma medida de segurança aos moradores e turistas”, garante.

Robson Mattos
Vereador Robinho

O parlamentar Válber Salarini pediu a instalação de quebra-molas em Baixo Pongal. Especialmente, em frente a Igreja Maranata, na descida do morro próximo a Igreja Católica e em frente a casa do Senhor João Larindo. O objetivo é dar mais segurança aos pedestres e prevenir acidentes nos locais citados.

O vereador ainda a Prefeitura o pagamento da dívida com a empresa Agilize, que fazia a limpeza da cidade e perdeu a última licitação. De acordo com Válber, muitos funcionários e fornecedores estão sem receber.

“Existe um impasse. A Prefeitura não faz o pagamento porque alega que os funcionários e fornecedores temem que a empresa pegue o dinheiro e desapareça. Já a empresa, alega que deve, porque não recebe da Prefeitura. Peço que se resolva esse problema”, conta.

Na mesma sessão, Carlos Waldir pediu que a administração disponibilize ônibus para as comunidades do interior durante as celebrações da Canonização do Padre José de Anchieta, que serão nos dias 2 e 6 de abril, às 10h e 16h, respectivamente. Ele sugere ainda a divulgação das rotas definidas e dos horários de saída e retorno.

Fonte: CMA

Deixe seu comentário