A falta de segurança no bairro Una está preocupando os moradores. Assaltos a residências, roubo de veículos e furtos tem sido constantes na região e com medo os moradores estão mudando sua rotina.

Segundo o morador, há cinco meses os assaltos de residências e na rua, o roubo de veículos e os furtos tem sido constantes no bairro.

“Quando dá nove horas da noite não tem mais ninguém na rua. A população está se escondendo toda e a bandida está toda solta. As crianças não podem mais ficar brincando porque os pais ficam com medo. É uma situação muito crítica”. lamenta um morador que prefere não ser identificado.

Segundo ele, os crimes no bairro passaram a ter mais frequência nos últimos cinco meses. “Recentemente roubaram um veículo na frente da colégio do bairro. Houve um tiroteio a uns quarenta metros do campo e um rapaz acabou baleado. A comunidade não suporta mais. O bairro sempre foi tranquilo e agora de repente está tendo essa onda de assalto. A criminalidade está terrível no bairro”.

O crime mais recente no Una foi o assassinato de Maicon Santos Glória, de 30 anos, na última quinta-feira (21).  Ele foi morto com tiros e facas, no campo do bairro. O morador disse que conhecia a vítima desde criança e lamentou sua morte. “Foi um choque era um rapaz novo e filho de  moradores do bairro.  A gente crsceu em um bairro pacto e agora a criminalidade começa assola o bairro de maneira tão terrível. Isso nos deixa muito triste”.

Maicon foi assassinado no campo de futebol do bairro na última quinta-feira (21).

Ainda de acordo com o morador, a última reunião realizada com a Polícia Militar para tentar solucionar a falta de segurança no bairro aconteceu há dois anos e de lá para cá nada mudou. “Eles disseram que  iriam reforçar o policiamento no bairro, só que infelizmente, nada aconteceu”.

O Portal 27 procurou a Polícia Militar para saber porque o reforço no policiamento no bairro não aconteceu e o que será feito para melhorar a segurança na região e foi informado que “a Polícia Militar está presente no bairro. No dia do homicídio prendeu em flagrante o acusado minutos depois do crime. Isto porque uma viatura estava realizando o patrulhamento na região e a população acionou o 190. 

As reuniões da Patrulha da comunidade também tem sido realizada e é preciso a participação da população para garantir resultados cada vez melhores. A Polícia Militar está terminando a Operação Natal, que também atende os comércios, mas em momento nenhum foi deslocado o policiamento dos bairros. 

Nesta terça-feira, 250 novos policiais passam a atuar em Guarapari e serão especificados para agir também na região de Setiba e Una. 

 

Comments are closed.