Segundo o diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Mário Rodrigues Júnior, o valor cobrado nos sete pedágios da BR – 101 do Espírito Santo será reduzido. A informação foi confirmada hoje (6) por Mário, durante reunião com os deputados federais do Estado, em Brasília.

Pedágio na BR-101 deve ficar mais barato nos próximos meses

Em informação ao jornal A Tribuna, o deputado Sérgio Vidigal, coordenador da comissão externa que fiscaliza o contrato de concessão da BR – 101, disse que a tarifa terá uma redução de 2,57%, de acordo com o valor cobrado em cada praça de pedágio. Na cidade da Serra, por exemplo, a tarifa para automóveis deve passar de R$ 4,60 para R$ 4,50. “Nós conseguimos a redução do valor da tarifa em 2,57%, e não somente manter o valor, como queria a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-ES)”, afirmou Vidigal.

Rodrigues Júnior afirmou que, embora a nova tarifa não tenha data para entrar em vigor, será aprovada nos próximos dias em reunião da ANTT.

O reajuste do pedágio na BR-101 já havia sido suspenso desde 17 de maio, por decisão do Juiz Federal Aylton Bonomo Júnior, da 3ª Vara Cível da Seção Judiciária do Estado, em resposta ao pedido de ação pelo presidente da OAB-ES que alegou descumprimento do contrato pela concessionária Eco 101, em função do atraso nas obras de duplicação.

Deixe seu comentário