O Fiesta roubado em um sítio em Andana, no interior de Guarapari, foi localizado no bairro Lameirão, na noite desta quinta-feira (01). Durante o assalto o casal de moradores, que prefere não ser identificado, foi torturado pelos três ladrões.

O veículo foi localizado um dia após o assalto, no Lameirão. Foto: Rafaela Patrício

Segundo o delegado da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri),  Marcos Nery, o veículo foi abandonado pelos criminoso  no meio da lama, mas até o momento nenhum dos assaltantes foi encontrado.

Peritos da Polícia Civil realizaram a perícia no carro, na tarde desta sexta-feira (02),  e encontraram uma segunda  bateria no porta-malas que não pertence a proprietária do veículo. Como a parte elétrica não está funcionando é possível que os ladrões tenham tentado trocar a bateria do automóvel.

A proprietária, a auxiliar de escritório, de 49 anos, comemorou a recuperação do carro. “Estou muito alegre. Graças a Deus foi uma vitória, mas a vitória maior foi eles terem me deixado viva. Falo todos os dias que o Senhor Deus me livrou da morte. Dos bens que eles levaram, o carro era o mais caro e já foi recuperado”.

Uma segunda bateria foi encontrada pela perícia no porta-malas do carro. Foto: Rafaela Patrício

Ela também afirmou que agora quer ver os ladrões presos. “Quero que eles sejam presos para que outras pessoas não sofram o que nós sofremos. Que seja da vontade de Deus e que a justiça seja feita”, disse a auxiliar de escritório.

Além do carro, os três assaltantes levaram uma moto CG Fan 125 preta com placa MPY-6965, dois aparelhos celulares, dois televisores, um aparelho de som, um purificador  de ar, 10 cartões de crédito, 15 litros de bebidas variadas, uma misteira, um microondas e um liquidificador.

O caso continua sendo investigado pela Depatri e quem tiver informações que ajudem a localizar os criminosos ou o material roubado pode avisar a polícia através do Ciodes (190) ou do Disque-Denúncia (181).