No início da noite desta terça-feira (17), no km 101 da BR 101, durante fiscalização programada em frente a Unidade Operacional de Guarapari, equipe Polícia Rodoviária Federal (PRF) visualizou motocicleta Honda CB 300R de cor azul que seguia no sentido crescente.

Ao se deparar com a fiscalização, o condutor da motocicleta demonstrou grande nervosismo e, ao receber ordem de parada, tentou empreender fuga, acelerando a motocicleta em direção aos policiais com o intuito de atropelá-los, sem, contudo, obter êxito, em razão da ação rápida da equipe que conseguiu parar a motocicleta. Como não obteve êxito na fuga com o veículo, o passageiro tentou fugir a pé para um matagal e foi interceptado.

Segundo a PRF, ao terem o veículo abordado na fiscalização, os dois homens tentaram atropelar os policiais e fugir. Foto: Divulgação

Durante a revista, foram encontrados, dentro da cueca do condutor, a quantidade de 12  pinos de substância análoga à cocaína com, aproximadamente, dois gramas cada, além  de R$ 15,00  e, com o passageiro, foram encontradas duas buchas de substância análoga à maconha com peso aproximado de 40 gramas e R$10,00.

Em consultas aos sistemas dos órgãos de segurança, verificou-se que o condutor não possuía carteira de motorista e já fora preso por porte e comércio de armas, enquanto que o passageiro foi condenado por roubou seguido de morte na modalidade tentada, estando em cumprimento de pena no regime semiaberto em Tucum, Cariacica.

Ambos informaram que adquiriram a droga na BR-101 em Guarapari, por R$ 180,00 e que a estavam levando para a localidade de Jabaquara, em Anchieta. Ato contínuo, por terem, em tese, suas condutas subsumidas aos tipos penais previstos nos artigos 33 e 35 da Lei 11.343/2006, além do artigo 309 da Lei 9.503/97, no caso do condutor, ambos receberam voz de prisão e foram encaminhados à Polícia Civil de Guarapari, para as providências cabíveis. Os dois devem ser autuados por tráfico de drogas, dirigir sem habilitação ou com habilitação cassada, associação ao tráfico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here