Nesta terça-feira (17), a cuidadora de animais, Meg Forsch, da ONG S.O.S Matilha, de Anchieta, foi internada por problemas psíquicos. Os 120 animais, entre cães e gatos, que eram cuidados por ela, vão ficar sem assistência caso a ONG não consiga uma ajuda que possa substituir os o trabalho feito por Meg durante o período que em que ela estiver ausente.

Protetora será internada, e os 80 cães e 40 gatos que ficavam sob seus cuidados poderão passar fome.

De acordo com a irmã da protetora, Beatriz Forsch, Meg é conhecida na cidade por seu trabalho com os animais, e já recebeu títulos na câmara por conta da sua dedicação à causa. A irmã conta que a Meg chegou a largar seu emprego para ficar à frente de um dos abrigos da ONG. “Ela conseguia maioria das coisas que os animais precisavam. Ela saia todos os dia de casa e ia de porta em porta pedir doações para garantir a ração e os cuidados que os cães e gatos precisavam. Ela ia na prefeitura, na câmara, ela realmente era muito dedicada à isso. Só que sem o trabalho dela os animais vão passar fome. E ninguém faz nada para ajudar”, fala Beatriz.

A irmã fala ainda, que já enviou inúmeros documentos à prefeitura informando sobre o caso. “na gestão passada a ONG tinha um convênio com a prefeitura que garantia uma contribuição mínima. Mas a administração mudou e nenhuma ajuda foi repassada desde então. Ela acolhe animais de rua, que deveriam ser de responsabilidade do município. Vereadores já prometeram ajudar, várias vários documentos já foram encaminhados á prefeitura mas ninguém toma uma atitude”, lamenta.



Beatriz fala que ela junto com outro membro da ONG, fizeram uma campanha na internet para arrecadar alimentação para os animais, mas que só conseguiram o que era preciso para alguns dias. “Contando com hoje só temos o suficiente para mais três dias de alimentação. Se não conseguirmos mais nenhuma ajuda os animais passarão fome”, constata.

A Prefeitura de Anchieta foi procurada pelo Portal 27 e, através de nota, disse que só pode ajudar por meio de licitação. “A Prefeitura de Anchieta reconhece o importante trabalho desenvolvido pela entidade, mas a única forma de ajuda é de acordo com o marco regulatório do terceiro setor, definido pela Lei 13.019/14. Mediante a nova legislação, que vigorou a partir deste ano, foi aberto um edital de chamamento público para celebrar convênio com uma entidade de proteção animal, a fim de cuidar dos animais de pequeno porte (cães e gatos) do município. Dessa forma, poderá ajudar financeiramente uma entidade nesse sentido”, esclarece a prefeitura.

Quem quiser ajudar a ONG e contribuir com a causa pode entrar em contato com Beatriz, que encaminhará as intenções para os responsáveis pela ONG S.O.S Matilha.

(28) 99955-3744 – Beatriz Forsch

 

Institucional MAllagutti
Institucional Karla
Banner Marcelo
Institucional Basic Idiomas
Institucional M Conveniências [banner top]

Institucional Flex Motors [banner final]
Dia D Docutum


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here