A noite de quarta-feira (29) foi de conversas e debates sobre a conjuntura política e econômica do Estado e do país. Reunidos no restaurante Marracini, empresários da construção civil e do ramo de corretagem de imóveis de Guarapari, recepcionaram o senador Magno Malta (PR) para um jantar.

Empresários de Guarapari, recepcionaram o senador Magno Malta e sua esposa Lauriete para um jantar. Foto: Roberta Bourguignon.

Estavam presentes o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil de Guarapari (Sindicig), Fernando Otávio, os empresários Emerson Macedo, Marcos Macedo, Rodolfo Mai, Geraldo Mai, Luís Antônio Nichio, Branco Vieira e Laudir Cordeiro. Além do staff do senador que veio a Guarapari para participar de um evento evangélico que teve presença de sua mulher, a cantora Lauriete.

Fernando e Branco enalteceram a presença do senador.Foto: Roberta Bourguignon.

Fernando destacou a importância do senador para cidade. “O Senador Magno Malta mostra um grande apoio à população de Guarapari e aos Empresários. Além de defender pautas pela Vida, trabalha para destravar os investimentos e geração de Empregos, como foi feito ao contribuir pela regularização do atual aeroporto do Município”, explicou.

O empresário Marcos Macedo, também destacou o apoio que o senador tem dado a cidade. “Fomos avisados da presença dele em Guarapari e resolvemos fazer essa recepção. Já estivemos em seu gabinete em Brasília e sempre fomos muito bem atendidos quando fomos discutir o desenvolvimento de Guarapari. Ele sempre foi atencioso com nossa cidade. É uma liderança nacional disposta a ajudar Guarapari”, disse Macedo.

Magno, Lauriete, Rodolfo Mai, Marcos Macedo e Branco.Foto: Roberta Bourguignon.

O empresário Branco Vieira agradeceu aos empresários e ao senador pela presença. “É um grande amigo de Guarapari. Uma pessoa sempre atenciosa e preocupada com nossa cidade”, disse.

Em entrevista ao Portal 27, o senador destacou a importância de Guarapari. “Guarapari é uma referência nacional do Espirito Santo. Em qualquer lugar do país, quando se fala em nosso Estado, a primeira cidade a ser citada é Guarapari, pela sua cultura do turismo, das areias monazíticas faladas em todo Brasil”, afirmou o senador.

O senador lembrou a força econômica do turismo para alavancar a situação econômica. “A partir de Guarapari, o Espírito Santo teria no turismo a sua maior indústria, o seu maior polo empregador. Quero pedir aos empresários ajuda para criarmos a Confederação Nacional do Turismo”, disse ele.

O Senador finalizou agradecendo também aos moradores de Guarapari. “Tenham esperança. Esse país vai melhorar. Eu acredito em um milagre econômico neste país nos próximos três anos”.

Deixe seu comentário

Comments are closed.