Um estoquista de 54 anos foi encontrado morto por populares na tarde de hoje no bairro Itapebussu, em Guarapari. Ele foi esfaqueado e morreu no banheiro da residência. O que chama a atenção neste caso é que a mulher dele passou pelo menos três dias dormindo ao lado do corpo.

washington MontovanelleWashington Mantovanelle Gonçalves trabalhava em uma loja de eletrodomésticos no mesmo bairro, mas desde a última sexta-feira não foi visto no emprego. Na tarde de hoje amigos foram até o local onde ele vivia e perguntaram para a mulher que morava com ele onde estava Washington. Para surpresa dos amigos, ela respondeu calmamente que ele estava morto no banheiro da casa.

A Polícia Militar foi chamada ao local e teve que arrombar a porta da casa para entrar. A mulher se trancou no banheiro e se deitou ao lado do corpo, que estava coberto com lençóis.

“Ela sempre foi meio perturbada e os dois bebiam muito. Ele chegou a ficar sóbrio por nove anos e depois voltou a beber novamente. Os bebiam até cair. Não sei o que aconteceu, temos que esperar a perícia”, contou Maria do Carmo Mantovanelle, 68 anos, tia da vítima.

A perícia da Polícia Civil foi acionada e constatou que Washington morreu por causa de uma perfuração no ombro esquerdo provocado por uma arma branca. A estimativa é de que ele esteja morto desde o último domingo.

A mulher, que não teve a identidade revelada pela polícia, estava visivelmente transtornada e gritando muito, falando coisas sem sentido para os policiais. O corpo de Washington foi encaminhado para o Departamento Médico Legal de Vitória.

Deixe seu comentário

Comments are closed.