Uma mãe de 43 anos, e o filho de 13, foram encontrados mortos debaixo da cama onde dormiam, em uma casa no bairro Nova Jerusalém, em Anchieta, litoral Sul. Mãe e filho estavam abraçados, segundo a polícia.

A Polícia Militar e a Guarda Municipal foram acionadas pela vizinhança, porque avistaram a porta da casa caída, com sinais de arrombamento. Durante a madrugada de terça-feira os vizinhos também ouviram barulho de tiro vindo da rua Manoel Malaquias Nunes Vieira, mas não saíram para ver onde poderia ser.

Ao chegarem na residência, os militares e guardas entraram no local e viram muito sangue embaixo da cama. Era possível visualizar somente o corpo do adolescente. Para não atrapalhar o trabalho da perícia, o local foi isolado.

“Quando a perícia chegou, é que eles identificaram que além do adolescente, a mãe dele também estava morta, por trás do corpo do menino. Ela estava abraçada ao menino debaixo da cama”, contou um militar.

Os dois foram mortos a tiros. A perícia identificou inicialmente uma perfuração na cabeça do adolescente, e sete no corpo da mãe. Em nome de adolescente há ocorrências por roubo e furto. O menor já foi apreendido pela guarda por mais de uma vez, e segundo os vizinhos chegou a ficar internado compulsoriamente para tratamento.

Os corpos foram encaminhados para o Departamento Médico Legal de Cachoeiro. O caso foi encaminhado para a 10° Delegacia Regional de Anchieta.

Deixe seu comentário