Um dia após  ter encontrado documentos e R$ 182,00 e ter iniciado uma campanha através das redes sociais e da imprensa para encontrar a pessoa que perdeu, o manobrista Jilmar Minas Pereira finalmente conseguiu devolver  tudo para o dono.  Na tarde deste sábado (03) José Adeilton Couto foi até ao hotel em que Jilmar trabalha, no Centro, para recuperar seus pertences.

José Adeilton Couto (de boné) recebendo o dinheiro que perdeu das mãos do manobrista Jilmar Minas Pereira. Foto: Whatsapp

Jilmar contou que a campanha para encontrar o dono do dinheiro e dos documentos foi vista pela proprietária da casa em que  José Adeilton mora de aluguel. “Ela me ligou,  falou que conhecia ele e que o dinheiro tinha sido período ontem. Inclusive, o dinheiro era para ele pagar o aluguel”.

Segundo ele, a proprietária da casa revelou que Jilmar não viu a campanha porque não tem acesso a internet. Mesmo assim, o jovem ficou feliz em saber que sua atitude de buscar odono do dinheiro pode ajudá-lo. ” Já aconteceu comigo também, perdi meus documentos e a pessoa honesta e me devolveu. Foi uma sensação muito grande poder ajudar e devolver para ele o dinheiro e os documentos. Não me pertence então fico feliz em devolver”.

O manobrista também incentivou que outras pessoas tenham o mesmo comportamento. “Se todo mundo for assim, com certeza a gente vai ter um país melhor. Estamos em um período muito triste com tantos roubos e desonestidade na política, mas a gente também tem que  fazer a parte da gente. Se não fizermos, fica mais difícil ainda”.

Comments are closed.