Tomaram posse na manhã de hoje (01) os vereadores, o vice e o prefeito eleitos de Guarapari. Em um auditório lotado, eles assinaram o livro de posse e fizeram o juramento exigido pela legislação. A Cerimônia que contou com a presença de diversas autoridades estaduais e representantes da sociedade civil, sendo dirigida por Wendel Lima (PSD), por ser o vereador mais votado nas últimas eleições.

Durante o seu discurso, o prefeito Edson Magalhães (PSD) ressaltou necessidade de investimentos em saúde e educação durante o seu governo. “Não se faz uma cidade ou um país sem investir. Precisamos dar saúde educação”, disse.

Durante o seu discurso o prefeito Edson Magalhães (PSD) ressaltou necessidade de investimentos em saúde e educação durante o seu governo. Foto: Wilcler Lopes/Portal27

Ele ressaltou ainda a necessidade da união de todos para enfrentar a crise pela qual o país. “Edson Magalhães não faz nada sozinho. Juntos nós vamos vencer”, falou. E deixou o recado de que “não estamos aqui para brincar, estamos aqui para realizar”, disse.

Durante cerca de 30 minutos o prefeito falou sobre a necessidade de cuidar das pessoas de rua e disse que iriam existir várias mudanças na cidade e com isso “Vai haver choro e ranger de dentes”, afirmou.

Após a cerimônia, Edson atendeu a imprensa e disse que nos primeiros dias vai cuidar do orçamento. “Nós vamos enviar um novo orçamento para a Câmara para ser aprovado. Estamos enviando um orçamento de 300 milhões, com uma expectativa real de trabalhar com 270 milhões. Vamos ter um orçamento enxuto, de acordo com a nossa verdadeira receita”, disse.

Edson, Wendel e Miguel compuseram a mesa da cerimônia. Foto: Wilcler Lopes/Portal27

Ele disse que também vai mandar uma nova estrutura organizacional para ser aprovada na Câmara, para fazer as despesas do munícipio diminuírem. “Nós temos uma folha de pagamento que é de 60% da receita, é uma folha muito alta. É preciso um ajuste fiscal”, disse.

Para os primeiros meses de sua gestão Edson disse que vai focar em setores. “O mais importante nesse momento é nós nos organizarmos com relação a saúde, educação e a limpeza da cidade. Se nós mantermos a cidade limpa até o carnaval, para nós sabermos qual é de fato a receita que nós temos nesse município e mantermos a saúde com médicos e medicamentos, acho um bom início de mandato, daí nós vamos ver o que podemos fazer na frente”

Deixe seu comentário

Comments are closed.