E o anjo lhes disse: Não temais, porque eis aqui vos trago novas de grande alegria, que será para todo o povo (Lucas 2:10)

Todos os dias assistimos, lemos ou ouvimos notícias ruins e trágicas; algumas nos entristecem, outras nos causam indignação e ainda há aquelas que nos deixam perplexos. Em meio a um universo de más notícias, por vezes as esperanças se extinguem, ou escapam de nossa visão imediata.

Mas, mesmo em frente aos contragolpes da vida ou das duras realidades de nossa experiência e existência, o Evangelho de Jesus Cristo é a boa notícia que nos acalma, que nos traz esperança e que finalmente pode transformar nossa realidade.

conteudo-do-evangelho-de-lucas

Quando refletimos sofre conceitos ligados a “transformação”, nossa mente vagueia entre métodos, processos, gestões e formas humanas de lidar com quadros desarmônicos a fim de desenvolver e provocar mudanças. No entanto, nos âmbitos da vida social o elemento principal para qualquer transformação é o próprio ser humano, e se este não for mudado, quaisquer ações serão ineficazes em suas propostas e objetivos.

Deste modo, o evangelho contrapõe aos fatos desencorajadores, as notícias ruins que promovem a descrença a que todos possamos viver de forma a cobrir com a paz os folhetins carregados de tanta violência.

271081_245210492159061_100000103374901_1222527_3578522_n

A palavra evangelho significa boas novas ou boas novidades. Portanto, uma ótima novidade é que Evangelho não é propriedade dos cristãos, não é possessão de grupos religiosos, não atende a interesses fundamentalistas ou contempla as vontades liberais. A boa notícia é que o Evangelho de Jesus é de todos e para todos.

Sim, o Evangelho de nosso Senhor é para todas as pessoas e classes: ricas ou pobres, negras ou brancas, pardas ou amarelas, cultas ou incultas, livres ou servas, héteros ou homossexuais. O Evangelho não é um ser, mas narra à história de um personagem principal que tem o poder de transformar a vida de qualquer pessoa.

Outra boa notícia do Evangelho é que sua mensagem não nos condena. Contrariando a vontade de alguns, as boas novas nos apresentam o salvador, o médico, a vida, o amigo, o pastor, o caminho, o pão e a água da vida. Sua tônica é o amor e sua maior demonstração o perdão. Quem nos condena são os nossos erros, escolhas, omissões e acepções.

a_gloria_de_deus

Mais uma boa notícia deste dia é que Deus nos ama exatamente como o somos, não se importando com nossas fraquezas, pecados, fracassos e decepções. Finalizo minhas palavras com uma frase do escritor cristão Max Lucado: “Você não pode ser qualquer coisa que desejar ser. Mas pode ser tudo o que Deus quer que você seja”. Eis aqui nossa grande notícia, a proposta do Evangelho pra nossas vidas!

Por Silvio Costa

S217438_164975263559336_3376051_nilvio Costa é profissional da área de hotelaria, administrador e gerente geral de um destacado hotel do ES. Por paixão estudou teologia e começou escrever e a publicar textos sobre o universo cristão num blog. Atualmente escreve para revistas e grandes portais religiosos do país.

Deixe seu comentário