Ricardo Rios
Ricardo Rios é advogado e Controlador na Prefeitura de Piúma.

A grande polêmica decorrente das declarações do prefeito municipal de Guarapari a uma rádio da capital, recentemente, girou em torno de algumas colocações não muito bem esclarecidas. No entanto, se as palavras forem interpretadas no conjunto certamente dar-se-á razão ao excelentíssimo prefeito, ainda que em parte – como é o meu caso, mas, quando são lidas ou expressas isoladamente dão margem a divagações das mais variadas.

Devemos iniciar o debate por uma análise sistêmica do tipo de turismo ofertado pelo município. Na realidade o município oferta somente suas belezas naturais construídas com muito cuidado pelo criador do universo. Algumas perguntas inicias devem ser respondidas, como por exemplo, em que hotel desta cidade saúde ficaria hospedado um turista de alto padrão? Qual o transporte coletivo que ele utilizaria?

paris

Emfim, se nos dispusermos a relacionar todas as questões formaríamos um livro com muita facilidade. Noutro ponto, não existe resposta fácil para problema difícil, portanto, numa analogia simplória e didática, é dando que se recebe. O município precisa se preparar para receber turistas que tenham onde gastar seu precioso dinheiro, não se trazendo a baila o juízo de valor do tipo de turista, importando apenas que ele deixe no município o que trouxe para gastar.

arc_600_390Ressalta-se que para se fazer as mudanças necessárias, é preciso rever as políticas sociais estabelecidas pela municipalidade, afinal, qualificando ou melhorando os serviços haverá, simultaneamente, aumento do custo de vida, assim, deve o gestor público se atentar para os reflexos que toda mudança traz.

Debates técnicos à parte, ainda existem questões de conotação dúbia, como por exemplo, as definições de “alto padrão” e “qualificação do turismo” e outras questões jurídicas, como por exemplo, a definição de quantidade máxima de pessoas por casa ou apartamento. Por essa e por outras, que sendo Guarapari ou guaraparis é preciso dar condições para que a cidade receba os turistas com mais disposição para gastar.

A coluna de Ricardo Rios é publicada mensalmente em nosso Jornal Impresso. Para conferir a nossa última edição, basta clicar no link abaixo e fazer o download, da versão em PDF do nosso jornal em seu computador. Clique aqui para baixar a edição 9

versão pdf

Deixe seu comentário