A primeira etapa da reurbanização do Canal de Guarapari está quase pronta.  Além de deixar o local mais bonito, a obra ajudou a melhorar a mobilidade urbana na região, porém, um pequeno detalhe está dificultando a vida dos usuários do transporte coletivo. É que os bancos dos abrigos de ônibus da região não podem ser usados em dias de chuva.

Bancos dos abrigos de ônibus da região

O passageiro Reginaldo Rodrigues relatou que a falta de proteção traseira no ponto de ônibus faz com ele fique molhado em dias de chuva.

“O abrigo não tem a proteção lateral aí quando chove venta e joga a água para cima dos bancos. O teto dele é pequeno e com divisórias no meio aí quando chove muito pinga nos assentos então o abrigo protege a pessoa da chuva um pouco, mas os bancos ficam molhados e ninguém pode sentar. Na última vez que choveu tinham várias pessoas, inclusive, mulhores com crianças de colo e isso gera um certo transtorno”, disse Reginaldo.

Para ele a solução para o problema é bem simples. “Ali carece de uma proteção lateral com vidro ou qualquer outro material já resolveria e a tapagem que já tem no ponto é uma coisa a ser corrigida porque  quando começa a pingar não protege a gente da chuva”.

O Portal 27 procurou o Departamento de Estrada de Rodagem (DER), que é o responsável pela obra do Canal, mas foi informado que os abrigos foram instalados pelo município. Procurada, a prefeitura respondeu que: “a Secretaria Municipal de Aprovação e Análise de Projetos – Semap já está realizando estudos para readequação do projeto dos abrigos de passageiros de Guarapari, prevendo acessibilidade para cadeirantes e melhor proteção contra as condições climáticas”.

Deixe seu comentário