A seção de trânsito do 10º batalhão (Guarapari) está fechando o cerco contra o transporte clandestino de passageiros na cidade. Só esta semana quatro vans foram apreendidas e os motoristas levados para a delegacia.

“Em dois dias de fiscalização quatro vans foram flagradas transportando passageiros. O transporte ilegal de passageiros é considerado contravenção penal e além da multa e apreensão do veículo, o motorista está sujeito às penas previstas em lei e sempre que for flagrado será levado para a delegacia”, explicou a seção de trânsito do 10º Batalhão.

Quatro veículos foram flagrados esta semana transportando passageiros ilegalmente. Foto: divulgação.

E, ao que parece, a atuação da seção de trânsito surtiu efeito, já que muitos moradores da cidade que usavam este tipo de transporte já não estão mais encontrando uma alternativa além dos ônibus.

“As vans sumiram. Pegava todo dia para ir trabalhar por causa da demora dos ônibus e porque eles sempre enchem muito, mas esta semana eles sumiram. Agora tá difícil para vir trabalhar, porque o ônibus sempre passa atrasado, quando passa”, contou Elaine Machado Santos, moradora do bairro Bela Vista.

Os motoristas que transportem passageiros sem licença (clandestinos) podem ser presos e cumprir uma pena que varia de 15 dias a três meses de prisão, além de terem o veículo retido pela PM. Pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB), transporte clandestino de passageiros é considerado infração média e o motorista é multado em R$ 160.

Para finalizar, a Seção de Trânsito do 10º batalhão informou que vai intensificar a fiscalização no verão, já que nesta época o número de veículos que transportam passageiros de forma clandestina aumenta.

Deixe seu comentário

Comments are closed.