Durante sessão ordinária realizada nesta terça-feira (9), o Plenário da Câmara Municipal de Anchieta, aprovou a proposta da vereadora Tereza Mezadri (PV), que solicita a isenção de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), aos portadores de câncer, aids, paralisia irreversível e incapacitante.

Tereza Mezadri (PV), que solicita a isenção de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), aos portadores de doenças graves.

Segundo a proposta, fica isento de IPTU o proprietário de um único imóvel, de uso exclusivo residencial, com renda familiar de até quatro salários mínimos mensais. A medida garante ainda a extensão do benefício ao proprietário do imóvel que seja cônjuge ou responsável legal da pessoa diagnosticada com a doença. “O poder público precisa prestar auxílio para as pessoas mais necessitadas, especialmente em relação aquelas pessoas que sofrem com essas doenças”, destacou Tereza.

A proposta consta na indicação 341/2017.

Ainda durante a sessão foi aprovado a indicação 322/2017, solicitando providências em relação a segurança dos moradores e também dos alunos de Iriri. A medida faz-se necessário devido ao aumento de assaltos aos estudantes e moradores, principalmente nos horários da tarde e à noite. ”Sabemos da importância da Guarda Municipal e da Policia Militar de Anchieta, por isso, estamos apresentando esse pedido”, frisou a parlamentar.

Ambos os pedidos foram encaminhadas ao prefeito do município Fabricio Petri (PMDB), para devidas providências.

Deixe seu comentário

Comments are closed.