Sem o governador Paulo Hartung (MDB), que anunciou que não vai disputar a reeleição, o ex-governador Renato Casagrande (PSB), vence a eleição para o governo do Estado no primeiro turno. É o que aponta a mais recente pesquisa do Instituto Futura, encomendada pela Rede Gazeta.

Estimulada. No primeiro cenário estimulado proposto pela pesquisa, Casagrande obtém 58,4 %, Rode de Freitas (PODEMOS) 12,8 % , Coronel Foresti (PSL) 4,3 %, Cesar Colnago (PSDB) 4,0 %, André Moreira (PSOL) 1,5 %, Ninguém/branco/Nulo, 15,1 % e Indecisos 4,0 %.

Segundo a Futura, Renato Casagrande (PSB), vence a eleição para o governo do Estado no primeiro turno.

Outros. A pesquisa testou ainda a entrada do senador Ricardo Ferraço (PSDB) e de Amaro Neto (PRB) ao governo. Os dois já disseram que disputam o senado, mas mesmo com a possível entrada deles, Casagrande vence as eleições com 52,6 % quando entra Ferraço e 56,5% quando entra Amaro. 

Mesmo que o governador Paulo Hartung (MDB) mudasse de ideia e voltasse a disputar, ele ficaria atrás de Casagrande. Ele ficaria com 32,9% contra 42% de Casagrande. Hartung tem ainda a maior rejeição com 25,6%, contra a menor rejeição de todos os candidatos que é de Casagrande com 7,4%.

Espontânea. Na pesquisa espontânea, em que os nomes dos candidatos não são apresentados, Casagrande tem 20,4%, Hartung 18,5%. Foram entrevistadas 800 pessoas entre os dias 10 e 13 de julho. A margem de erro da pesquisa é de 3,5 pontos percentuais, para mais ou para menos e a confiabilidade é de 95%. A pesquisa está registrada sob o número ES-09041/2018.

Comments are closed.