Nesta sexta feira (6), os servidores públicos de Guarapari vão parar. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores da Administração Direta e Indireta e do Poder Legislativo do Município de Guarapari (Sintrag), a paralisação é por tempo indeterminado. “Acreditamos que a greve terá uma boa adesão. O servidor quer mais valorização. Essa é a nossa luta”, explica Rosimary Abud, presidente do sindicato.

Sintrag
Greve vai deixar 30% dos serviços essenciais funcionando.

Ainda de acordo com ela, um plano de greve está sendo elaborado e o Sintrag pretende seguir a lei, deixando 30% dos serviços essenciais funcionando. “Estamos passando pelas escolas, postos de saúde e conversando com os servidores. Nas escolas, por exemplo, as auxiliares de serviços gerais estão sobrecarregadas. Além de limpar, ainda ajudam em outros serviços”, diz.

Aumento. Os servidores receberam no final do mês passado, um aumento de 6 %, em seus vencimentos. Mas de acordo com a presidente, ainda existem outros pontos a serem melhorados, como é o caso do vale alimentação, onde a prefeitura concedeu 20% de aumento. “Eles nos concederam um aumento de 20 reais no vale. Agora, vamos  receber cento e vinte reais, valor bem abaixo do recebido por servidores de outras cidades”, afirma Rosimary. “Nós entendemos a situação financeira do município, que é complicada, mas a categoria optou pela greve”, afirmou.

10258526_581505965301468_3414510957664369733_o

A presidente diz que até sexta feira irá informar mais detalhes sobre a greve. Mas de acordo com ela, a paralisação se resume em três pontos pedidos pelos servidores. “O motivo da greve pode ser resumido em melhores salários, maior valorização do servidor e melhores condições de trabalho”, afirmou.

Resposta. Procurada por nossa reportagem para se manifestar sobre o assunto, a prefeitura informou  que prefere  aguardar e só vai se manifestar com a efetivação da greve na sexta feira, dia 6.

Deixe seu comentário