Neste sábado (15) acontece o Festival Guarapari Sertanejo. O evento será realizado no SESC Guarapari a partir das sete horas da noite e terá o clima de uma grande festa junina com decoração temática, comidas e bebidas típicas e será animado por três grandes shows com Estevão & Willian, João Fellipe & Rafael e Musical Prateados. 

O festival faz parte da 11ª edição do Arraiá do Bode, a tradicional festa junina da Loja Maçônica Retidão e Justiça

O festival faz parte da 11ª edição do Arraiá do Bode, a tradicional festa junina da Loja Maçônica Retidão e Justiça e todo valor arrecadado será doado para instituições filantrópicas de Guarapari.

Segundo o venerável mestre da loja Retidão e Justiça, Ricardo Miranda, de 56 anos, ajudar o próximo é um dos objetivos da Maçonaria. Por isso, o portal 27 trouxe uma entrevista em que ele explica um pouco mais sobre essa associação semi-secreta que poucos realmente conhecem e muitos especulam. Confira!

Portal 27: O que define a Maçonaria?

Ricardo: É uma instituição que tem por objetivo tornar feliz a humanidade pelo aperfeiçoamento dos costumes, respeito a pátria e a religião. Ela é uma escola para melhorar as pessoas no convívio com o próximo e com elas mesmas. Não é uma religião, mas tem pessoas de todas as religiões que frequentam.

Portal 27: Quais os requisitos para ser um maçom?

Ricardo: Primeira coisa é acreditar em Deus. Essa é a questão sine qua non de toda a situação. Segundo, essa pessoa tem que ser escolhida e ter o perfil para ser maçon.

Portal 27: A pessoa é convidada para ser maçom?

Venerável mestre da loja Retidão e Justiça, Ricardo Miranda.

Ricardo: Sim, ela é convidada. Existe uma seleção porque tem gente que não tem o perfil para ser maçom.

Portal 27: As pessoas convidadas têm que ser mais abastadas?

Ricardo: Não. Tem pessoas que tem um trabalham normal. Mas as pessoas que tem mais necessidades não tem como ajudar aos terceiros. Não que elas não mereçam. O mérito é outra história. Mas é preciso que realmente ela consiga ajudar as outras pessoas. O dinheiro nunca foi o primeiro critério de seleção.

Portal 27: Porque é tudo tão secreto?

Ricardo: O que a gente faz de bom a gente não espalha. Temos o lema de que o que você dá com a mão direita a esquerda não precisa saber. O que você faz de bom não tem que fazer propaganda. Somos contra esse tipo de publicidade.

Portal 27: Uma pessoa que não é maçom pode ir participar da reunião?

Ricardo: Não. Porque se não, entra qualquer um. Já fizemos várias reuniões abertas aqui em Guarapari, mas ela é fechada porque a Maçonaria já existe desde o antigo Egito e esse é o costume. A palavra maçom em francês quer dizer construtor e é a edificação de sua personalidade, é você aperfeiçoar o seu eu como pessoa e ser uma pessoa melhor.

Mesmo ajudando a muitos, maçonaria evita publicidade.

Portal 27: O que acontece nas reuniões?

Ricardo: Muito estudo. Estudamos, principalmente, filosofia.

Portal 27: As reuniões acontecem quantas vezes por semana ou por mês?

Ricardo: Cada loja escolhe o dia da semana, mas normalmente é uma vez por semana.

Portal 27: A loja Retidão e Justiça existe há quanto tempo?

Ricardo: Vai fazer 35 anos agora em agosto.

Portal 27: Quantos maçons existem em Guarapari?

Ricardo: Creio que frequentes em lojas são 130 pessoas.

Portal 27: Quantas lojas existem no Estado?

Ricardo: São 106 lojas e na capital tem a Grande Loja Maçônica do Estado do Espírito Santo.

 

Deixe seu comentário