O estado do Espírito Santo recebeu na tarde de hoje cerca de 168.950 doses das vacinas contra a covid-19, destas, 13.750 mil são Covishield (Oxford/Fiocruz) e 155.200 mil doses da Coronavac (Sinovac/Butantan). De acordo com o governo estadual, elas serão suficientes para vacinar todos os idosos de 65 a 69 anos e iniciar a segunda dose de outros grupos.

Os municípios irão receber doses suficientes para completar 100% da primeira dose (D1) da população de 65 a 69 anos; 100% da D1 das comunidades quilombolas; 13% para a segunda dose (D2) dos trabalhadores da saúde; 20% para D2 de idosos de 80 a 84 anos e o quantitativo de 15% para D2 de 75 a 79 anos.

A remessa é a maior já enviada ao estado.

A remessa é a maior já enviada pelo Ministério da Saúde ao Espírito Santo e servirá também para começar a imunização dos novos grupos inclusos no grupo prioritário, as forças de segurança e as de salvamento. Na atualização ficou definido que, nesta décima primeira remessa de doses, 858 seriam destinadas a este público.

Essas forças contemplam: trabalhadores envolvidos no atendimento e/ou transporte de pacientes; trabalhadores envolvidos em resgates e atendimento pré-hospitalar; trabalhadores envolvidos diretamente nas ações de vacinação contra a Covid-19; trabalhadores envolvidos nas ações de vigilância das medidas de distanciamento social, com contato direto e constante com o público independente da categoria.

Antecipação da vacinação dos profissionais da educação

Além disso, há previsão do início da imunização antecipada a partir do dia 15 de abril dos profissionais da educação, com as doses da reserva técnica encaminhadas pelo Ministério da Saúde.

As doses foram encaminhadas à Central Estadual de Rede de Frio para cadastramento. A previsão é de que a distribuição aos municípios da Região Metropolitana ocorra a partir desta quinta-feira (01), bem como o envio às regionais de saúde Norte, Sul e Central.

Deixe seu comentário